Aberto ao público, está lançado o 1º encontro nacional da indústria de aeroportos do Brasil

Pátio do Aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP)

Segundo informa nesta semana a concessionária ABV Aeroportos Brasil Viracopos, a Aneaa – Associação Nacional de Empresas Administradoras de Aeroportos realizará, de 29 de novembro a 2 de dezembro, o Airport National Meeting (ANM 2021), o 1º encontro nacional da indústria de aeroportos.

Em formato híbrido, com atividades virtuais e presenciais, o evento oferecerá uma programação inovadora, explorando a dimensão estratégica dos aeroportos para a retomada do crescimento econômico brasileiro, além de encontros bilaterais com foco na geração de negócios entre o ecossistema aeroportuário e as concessionárias associadas à Aneaa.

A agenda inclui ainda a exposição de produtos e serviços, além de demonstrações de tecnologias e soluções que repercutem diretamente na modernização e competitividade do setor.

“O ANM é a primeira plataforma de conteúdo e negócios totalmente dedicada ao setor aeroportuário, e é natural que a Aneaa, como entidade representativa das operadoras privadas, seja a grande protagonista dessa iniciativa, sobretudo quando celebramos 10 anos de concessões aeroportuárias”, diz Dyogo de Oliveira, presidente da entidade.

O evento é organizado em dois momentos. O primeiro, de 29/11 a 01/12, será totalmente virtual utilizando uma plataforma digital com funcionalidades intensivas em tecnologia e inovação. Durante os três dias, além de forte programação de conteúdo (aberta ao público) sobre temas de alta relevância para o setor, as empresas patrocinadoras poderão interagir com executivos e lideranças dos aeroportos de Brasília, Guarulhos, Galeão, São Gonçalo do Amarante, Viracopos e Belo Horizonte.

Destaques da programação virtual:

– Agenda de Negócios: encontros bilaterais em formato digital para apresentação de produtos e soluções aeroportuárias;

– Exposição Virtual de Produtos e Serviços: instalação de stands virtuais em espaço 3D;

– Marketplace de Produtos e Serviços: catálogo eletrônico dos principais fornecedores do ecossistema aeroportuário;

– Auditório virtual: espaço para realização de painéis, debates e seminários abordando temas de interesse do setor aeroportuário.

“Além da representação institucional das concessionárias, a Aneaa atua fortemente para aperfeiçoar a gestão e viabilidade econômica de suas associadas. Este evento, pensado também como um hub de negócios, oferece excelente oportunidade para o setor, sobretudo no contexto de recuperação da crise provocada pela pandemia”, diz Douglas Almeida, diretor Executivo da Aneaa.

No dia 2 de dezembro, inaugurando a agenda presencial do ANM 2021, será realizado o seminário “Embarque Imediato: 10 Anos de Concessões Aeroportuárias no Brasil”. Desde 2011, foram 44 aeroportos concedidos, que, juntos, representam mais de R$ 25 bilhões em investimentos já realizados. A trajetória de desestatização segue fortalecida, com mais 16 aeroportos previstos para 7ª rodada de concessões, que acontecerá em 2022.

Em razão das restrições impostas pela pandemia, o evento terá capacidade para 300 pessoas, mas, para garantir sua ampla repercussão, toda a programação será transmitida ao vivo pelos canais de comunicação da Aneaa. Além de explorar os resultados e benefícios alcançados nesse período, o seminário irá debater os diversos aspectos que influenciam na competitividade dos aeroportos concedidos e sua dimensão estratégica para o desenvolvimento econômico e social do Brasil.

Os painéis e sessões do evento contarão com autoridades governamentais, lideranças empresariais e outros interlocutores determinantes para viabilidade e implementação do Plano Nacional de Desestatização.

A programação completa do evento e o passo a passo para inscrições estão disponíveis no site www.airportnm.com.

Informações da Aeroportos Brasil Viracopos

Murilo Bassetohttp://aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias