AeroMexico é a última das 3 grandes latinas a ter plano de recuperação aprovado

O Grupo AeroMexico anunciou na sexta-feira (9) que obteve a aprovação final do seu plano de restruturação, mediante um financiamento “Debtor-In-Posession” (DIP), pelo Tribunal dos Estados Unidos responsável por julgar as ações da empresa em sua reorganização no âmbito do Capítulo 11 da lei local, uma espécie de recuperação judicial. A empresa se junta à Latam e Avianca, duas outras latinas que já tiveram seus planos de financiamento aprovados pelo mesmo tribunal.

Para a companhia, esse é um marco importante no processo de restruturação, que já está em curso , e que dará acesso à liquidez para continuar a cumprir suas obrigações para com clientes e fornecedores. Com a aprovação do DIP, a empresa mexicana espera desbloquear US$ 1 bilhão em empréstimos para a restruturação.

Segundo a nota, “a AeroMexico continuará perseguindo, de maneira ordenada, o processo voluntário de restruturação financeira sob o Capítulo 11, enquanto continua operando e oferecendo serviços aos seus clientes e contratando de seus fornecedores os bens e serviços necessários para as operações. 

A Companhia continuará a usar as vantagens do procedimento do Capítulo 11 para fortalecer sua posição financeira e liquidez, proteger e preservar as operações e ativos, e implementar os ajustes necessários para administrar o impacto do COVID-19″.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias