Aeroporto Heathrow terá como principais acionistas fundos francês e saudita

Foto: DepositPhotos

O principal e maior aeroporto da Europa em movimento, o Heathrow, em Londres, terá dois novos acionistas: da Arábia Saudita e da França.

Com 79 milhões de passageiros ao ano, o Aeroporto de Heathrow é o maior da Europa e é o mais disputado em vários sentidos, desde espaço pelas companhias aéreas, como espaço para lojas e também por investidores.

O fundo de investimentos franceses Ardian anunciou hoje que entrou em um acordo revisado para adquirir aproximadamente 22,6% de participação na TopCo, a holding que controla o Aeroporto de Heathrow, comprando toda a fatia da espanhola Ferrovial S.E. e de certos outros acionistas da TopCo.

Em novembro de 2023, a Ardian anunciou que havia firmado um acordo para adquirir 15% da TopCo da Ferrovial. Em janeiro de 2024, certos acionistas da TopCo (os Acionistas Tagging) optaram por exercer seus direitos de acompanhamento em relação a ações que representam 35% do capital social da TopCo.

Sob os termos do acordo revisado, os fundos de infraestrutura geridos e aconselhados pela Ardian adquirirão aproximadamente 22,6%, enquanto o Fundo Soberano de Investimento Público da Arábia Saudita adquirirá aproximadamente 15,0% da TopCo simultaneamente de outros acionistas, por meio de compras separadas.

No total, esta compra de ações de hoje representa 37.6% do capital do Aeroporto de Heathrow. O Fundo Soberano do Catar continuará tendo 20% de participação, e outros fundos de investimento e pensões da Austrália, China, Cingapura e Canadá manterão sua fatia de aproximadamente 11% cada.

Carlos Martins
Carlos Martins
Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. #GoBroncos #GoBeach #2A

Veja outras histórias