Aeroviários do Brasil votam ‘sim’ para a nova CCT proposta pelas empresas aéreas

Imagem ilustrativa: Aeroporto de Natal

O Sindicato Nacional dos Aeroviários (SNA) informou neste sábado, 11 de dezembro, que a Campanha Salarial 2021/2022 da categoria aeroviária chega ao fim após 92,4% dos profissionais da aviação civil votarem “sim” para aprovar a proposta de atualização da CCT (Convenção Coletiva de Trabalho) apresentada pelas companhias do setor.

Durante assembleias itinerantes realizadas pelo SNA nos aeroportos do país, profissionais da Latam e das empresas representadas pelo Sindicato Nacional das Empresas Aeroviárias (SNEA), como Azul e Gol, foram consultados em 6 e 7 de dezembro por dirigentes sindicais.

A CCT será assinada na próxima semana. Entre as principais propostas aprovadas pela categoria, constam:

SNEA
• Reajuste de 8,22% sobre os salários;
• Para os aeroviários que recebem acima de R$ 10.000,00, será concedido um reajuste salarial em valor fixo equivalente a 8,22% sobre R$ 10.000,00;
• Reajuste de 10,96% VA e VR;
• Renovação na íntegra nas demais cláusulas sem alteração.

Latam
• Reposição de 10,96% do INPC no VA e VR;
• 5,48% do INPC nos salários e pisos;
• Abono salarial de 5,48% no salário dos últimos 12 meses, pagos em parcela única em dezembro de 2021;
• Folga agrupada mensal para profissionais em regime de escala;
• Escala de trabalho 5×1;
• Flexibilização para alterar mensalmente a carga do cartão VR para cartão VA e vice-versa.

“A direção do SNA fez o melhor possível para ampliar as condições salariais da categoria. Para melhores resultados nas próximas Campanhas Salariais, é preciso a mobilização dos profissionais da aviação civil”, declara o Sindicato em seu comunicado.

Campanha Salarial Táxi Aéreo

O SNA informa que segue em negociação com o SNETA (Sindicato Nacional das Empresas de Táxi Aéreo) em relação à campanha salarial da categoria, e em breve divulgará novidades nos canais oficiais.

Próximos passos do SNA

Segundo o Sindicato, seus dirigentes agora vão dar início à CAMPANHA CONTRA A VIOLÊNCIA AOS TRABALHADORES NOS AEROPORTOS.

Também vão levar às reuniões bimestrais com o SNEA o debate sobre a implementação de escala 5×1 e folga agrupada mensal para profissionais das empresas aéreas como Azul e Gol.

Informações do Sindicato Nacional dos Aeroviários

Murilo Basseto
Murilo Bassetohttp://aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e com Pós-Graduação em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias