Início Variedades

Agente aeroportuário toma susto ao ver um gato vivo dentro de bagagem no raio-x

Imagem do raio-x onde mostra o animal encontrado – Imagem: TSA

Uma situação inusitada e pouco comum ganhou repercussão nesta semana, quando um pequeno felino doméstico foi descoberto dentro de uma bagagem, enquanto passava pelo raio-x de um aeroporto nos Estados Unidos.

Na quarta-feira da semana passada, dia 16 de novembro, agentes da Administração da Segurança de Transporte (TSA) que trabalhavam na inspeção de malas no Aeroporto Internacional John F. Kennedy, em Nova York, se depararam com o animal vivo dentro de uma bagagem despachada.

Durante a triagem das bagagens, uma anormalidade chamou atenção e os agentes notaram que a imagem de raio-X mostrava, além de garrafas, taças e um par de chinelos, o contorno claro de um animal dentro da mala.

Conforme relata a porta-voz de Assuntos Públicos da TSA, Lisa Farbstein, em sua conta no Twitter, os agentes ficaram “chocados ao encontrar um gato laranja dentro de uma mala despachada.

Em fotos publicadas pela TSA, é possível observar a cena curiosa da mala preta e pelos do gato à mostra. Há também uma imagem do momento em que o agente abre a bagagem:

De acordo com a CNN, o passageiro responsável pela bagagem, que viajaria pela Delta Air Lines, foi chamado para tomar ciência do ocorrido. Segundo ele, o animal não era de sua propriedade, mas sim de um conhecido, e teria acessado a mala sem o seu conhecimento.

O gato foi devolvido ao seu dono e o passageiro, que perdeu seu voo, embarcou posteriormente para Orlando, na Flórida.

Leia mais: