Início Indústria Aeronáutica

Airbus cancela acordo de US$ 6 bilhões com a Qatar Airways por 50 novos jatos A321

A Airbus revogou um acordo com a Qatar Airways para 50 novas aeronaves A321neo em um movimento brusco depois que os dois gigantes da aviação se envolveram em uma disputa legal acirrada. O acordo para o A321neo tinha um valor de US$ 6,35 bilhões e as entregar começariam em 2023.

Segundo reporta a Bloomberg, o mercado acredita que a decisão da Airbus de encerrar o acordo seja uma resposta a uma ação que a Qatar Airways abriu no Supremo Tribunal de Londres contra a fabricante. A empresa árabe está buscando uma indenização de US$ 618 milhões da Airbus por causa de um defeito na pintura de alguns de seus jatos A350.

A Airbus diz que planeja “se defender vigorosamente” contra a reclamação da Qatar e sustenta que não há justificativa para uma decisão da empresa aérea de recusar a entrega de dois aviões A350 que estão prontos. Em novos documentos legais, a Airbus diz que “não há base razoável ou racional para o regulador de aviação do Catar ter ordenado o aterramento de 21 jatos A350 da Qatar Airways”.

A audiência inicial desse processo está marcada para 26 de abril, enquanto a Airbus foi instada a apresentar sua defesa até o final de fevereiro. A Airbus diz que “negará totalmente” a alegação da transportadora do Golfo, mas a Qatar Airways quer que o assunto seja resolvido a tempo da Copa do Mundo da FIFA, que deve começar em novembro.

Sair da versão mobile