ANAC recebe meia tonelada em kits do TSA dos EUA para aferir segurança nos aeroportos

Imagem: ANAC

A Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) informa que recebeu na terça-feira, 29 de março, um conjunto de kits de testes de detecção de explosivos, armas de fogo e outros itens com acesso proibido às áreas restritas de aeroportos, doados à Agência pela Administração de Segurança do Transporte (Transportation Security Administration – TSA), órgão norte-americano componente do Departamento de Segurança Interna dos Estados Unidos.

Ao todo, a doação totaliza meia tonelada em equipamentos a serem utilizados para a aferição do nível de segurança nos aeroportos do país.

O evento contou com a participação do diretor-presidente da ANAC, Juliano Noman, da adida do TSA no Brasil, Tere Franceschi, do superintendente de Infraestrutura Aeroportuária, Giovano Palma, além de gestores, servidores e colaboradores da Agência.

Imagem: ANAC

Os equipamentos contribuirão para a renovação e o aumento da disponibilidade de materiais utilizados pelas equipes de servidores da Superintendência de Infraestrutura Aeroportuária (SIA) e dos núcleos regionais de Aviação Civil (Nuracs) na realização das atividades de testes relacionados à Segurança da Aviação civil contra Atos de Interferência Ilícita (AVSEC).

A iniciativa integra programa que viabilizará, ainda, a vinda de especialistas do TSA ao Brasil para ampliação do treinamento de agentes de diferentes setores do transporte aéreo em segurança contra atos ilícitos em aeroportos.

No intuito de aumentar a qualidade da segurança em nível nacional e internacional, os testes consistem em simulações de atos de interferência ilícitas em operadores aéreos e de aeródromos. Eles servem para diagnóstico e melhoria de desempenho na inspeção de passageiros e bagagens de mão e no controle de acesso de pessoas e veículos a outras áreas restritas de segurança (ARS), além da verificação de outros procedimentos de segurança estabelecidos nos regulamentos brasileiros de Aviação Civil nº 107 e nº 108.

“A aviação deve ser vista como uma grande teia de cooperação e essa parceria com o TSA representa ganhos para o transporte aéreo internacional”, afirmou o diretor-presidente da ANAC, Juliano Noman.

Para a adida do TSA no Brasil, Tere Franceschi, a doação dos kits de testes à Agência brasileira é resultado de uma longa parceria. “Quando você melhora a segurança em um aeroporto, você melhora a segurança de maneira global”, avaliou.

Informações da ANAC

Murilo Bassetohttp://aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e com Pós-Graduação em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias