Início Empresas Aéreas

Avianca Argentina é autorizada a parar por 90 dias e mira ativos da brasileira

Avião ATR 72 Avianca Argentina
ATR-72 da Avianca Argentina

A Administração Nacional de Aviação Civil da Argentina (ANAC) autorizou o pedido da Avianca Argentina para suspender seus voos regulares por 90 dias a partir de 9 de junho, em uma nota assinada por Thomas Insausti, presidente do conselho da entidade. Assim, a empresa consegue um pouco de ar em sua tentativa de continuar operando.

Caso a ANAC Argentina não aprovasse, a Avianca perderia seu direito de operar e seria decretado seu fim. Seria mais um duro golpe para o empresário Germán Efromovich que já perdeu o controle da Avianca Colombia e o que tinha da Avianca Brasil.

Agora, uma das soluções possíveis sendo consideradas, de acordo com fontes próximas à aérea, é a de que a venda de ativos intangiveis da Avianca Brasil pode contribuir para levantar dinheiro a fim de liquidar a dívida na Argentina e operar novamente. Outra saída seria a entrada de um novo investidor.

Informações do El Cronista

Sair da versão mobile