Avião da LATAM acaba de voltar à origem após bird strike ao partir de Porto Alegre

O A321 da LATAM partindo, em cena da câmera ao vivo no aeroporto de Porto Alegre

Os pilotos de um voo da LATAM precisaram retornar a aeronave à origem no final da manhã desta terça-feira, 18 de janeiro, após a colisão com uma ave, o chamado “bird strike”, durante a decolagem no Aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre.

O incidente aconteceu às 10h48, quando o Airbus A321 registrado sob a matrícula PT-MXP partia no voo LA-3297, que teria como destino o Aeroporto de Guarulhos, na Grande São Paulo.

Quem acompanhava a transmissão ao vivo das câmeras do canal Camera Aeroporto Salgado Filho no YouTube, que disponibiliza também os áudios das frequências de comunicação, pôde ouvir, às 10:49:27, o piloto da LATAM avisando à controladora de tráfego aéreo: “informo bird strike, senhora, durante a corrida, na rotate da aeronave ali, tá.”

Após o incidente, os pilotos solicitaram o retorno ao aeroporto, e o pouso foi executado em segurança pouco mais de 26 minutos depois, às 11:14:50 (você também pode conferir nos vídeos acima), conforme se nota no histórico de voo captado pela plataforma RadarBox de rastreamento online de voos:

Imagem: RadarBox

Como consequência da ocorrência, foi realizada uma inspeção na pista do Salgado Filho, levando à necessidade de atraso na chegada de diversos aviões, que precisaram fazer órbitas (trajetórias circulares de espera) antes de continuarem até o pouso.

Também na transmissão ao vivo, às 11:39:34 foi possível ouvir o momento em que a controladora de tráfego aéreo informou a um piloto o motivo dos atrasos nas chegadas. Ela disse: “foi um bird strike em um LATAM, daí foi sequenciamento, foi feita inspeção na pista e sequenciamento, a coordenação já está ciente.”

Até o momento, não há maiores detalhes sobre qual parte de aeronave colidiu com a ave durante a decolagem.

Caso você queira assistir à transmissão ao vivo, os dois players a seguir mostram as câmeras pela cabeceira 11 e pela cabeceira 29 do Salgado Filho:

Murilo Bassetohttp://aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias

Protótipo do avião A380 é visto fazendo um ‘tchau’ sobre a...

0
Mesmo agora que a fabricação foi encerrada, o primeiro jato de dois andares continua voando intensamente, já que recebeu uma nova missão.