Fabricante de fuselagens do Boeing 737 compra fábrica de asas do Airbus A220

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

A empresa que fabrica fuselagens e outros componentes de jatos da Boeing anunciou, na última semana, a conclusão do processo de compra da unidade da Bombardier que faz asas para os Airbus A220.

Divulgação

A Spirit AeroSystem anunciou no último dia 30 de outubro que concluiu a compra da divisão da Bombardier na Irlanda do Norte, na cidade de Belfast. A empresa americana é quem fabrica todas as fuselagens dos jatos 737 da Boeing, assim como diversos componentes do 787 Dreamliner, além de peças do concorrente Airbus A330.

A unidade de Belfast da Bombardier não foi inclusa na compra do projeto CSeries feita pela Airbus, porque também abriga montagem de componentes para a linha de jatos executivos e para os aviões regionais CRJ.

O valor da compra foi de $275 milhões de dólares pelas instalações de 315 mil metros quadrados de área, empregando em torno de 3.300 pessoas.

O Presidente e CEO da Spirit, Tom Gentile, falou sobre a importância da aquisição: “Os locais adquiridos trazem experiência em engenharia, inovação e compostos avançados, e também se alinham com nossas prioridades estratégicas. Com a adição desses locais, a Spirit adquire todo o pacote de trabalho para os processos e tecnologia de fabricação da asa dos A220, que são críticos para o futuro de aeronaves de última geração e duplicam nosso negócio de serviços pós-venda de classe mundial.”

Com esta transação finalizada, a Bombardier vai fechando mais um capítulo na venda da sua divisão de jatos comerciais, já que o CSeries foi para a Airbus e se tornou o A220, e os jatos CRJ foram para a japonesa Mitsubishi.

Informações pela Spirit Aerosystems

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Carlos Martins
Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagem pela Avianca Brasil. #GoBroncos #GoBeach #2A

Veja outras histórias