Bombeiros combatem fogo perto de clássico Boeing 737 da VASP em Campinas

Foto SCI de Viracopos via Assessoria de Imprensa

A plástica e a ação capturadas pela imagem acima parecem vir de uma cena de filme, mas, diferente do que ela possa sugerir, tudo ali aconteceu de maneira controlada, embora o realismo da simulação pode realmente expor os profissionais a riscos se as manobras não forem bem executadas.

Essa bela captura foi feita durante um dos quatro treinamentos promovidos durante o mês de setembro na Seção de Combate a Incêndios (SCI) do Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas. Nessa matéria comentamos sobre os treinamentos e mostramos imagens por fora e por dentro do clássico 737 da VASP.

Nos bastidores

Muitas vezes passageiros, tripulantes e a imprensa especializada não dão o foco adequado aos profissionais que estão atuando nos bastidores dos aeroportos para lidar com qualquer situação de emergência e, mais do que isso, para salvar nossas vidas, se necessário for. Falamos, naturalmente, do Corpo de Bombeiros do aeroporto.

A verdade é que cada situação de emergência possível (ou quase impossível) na vida real deve ser treinada exaustivamente, principalmente as situações envolvendo aeronaves. E, para deixar a capacitação completa, apenas com o apoio de uma aeronave real.

Dessa forma, a Aeroportos Brasil – Viracopos contratou recentemente o Falck Group para facilitar quatro treinamentos à sua equipe de Bombeiros durante o mês de setembro: o Curso de Bombeiro de Aeródromo (Atualização), Curso de Resgate e Salvamento em Aeronaves, Curso de Motorista Condutor e Curso de Especialização em Chefe de Equipe. Todos em consonância com os requerimentos da ANAC.

Passageiros e profissionais da aviação sempre esperamos que eles nunca precisem aplicar as habilidades que têm, mas, se necessário, é confortante saber que eles estarão sempre preparados.

Por dentro no 737

Cada treinamento simula situações reais. O vídeo abaixo (espere carregar) foi disponibilizado gentilmente pela equipe do SCI e mostra diversas das simulações realizadas no mês passado. Note a dedicação do time, o foco em resolver os problemas e, ao mesmo tempo, toda a ação e adrenalina da atividade.

Também é possível ver várias cenas gravadas dentro do Boeing 737, ex-VASP, e que hoje serve como lugar de treino. É curioso ver como está a aeronave por dentro após tantos anos.

Que avião é esse

O PP-SMR é um Boeing 737-200 que voou nas cores da VASP entre 1974 e 2004 (30 anos). Antes, havia apenas pertencido à Pacific Southwest Airlines (PSA), que o recebeu em 1969. Ele está armazenado no Aeroporto Internacional de Viracopos desde 2004, após ter apreendido pelo antigo Departamento de Aviação Civil (DAC) por motivos de manutenção.

Após ter sido incorporada pelo aeroporto, a aeronave vem sendo usada de tempos em tempos para treinamentos dos bombeiros do aeroporto, como que está comentado nessa matéria.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

Piloto usa o avião para deixar uma mensagem imprópria para o...

0
Até a publicação desta matéria, ainda não havia alguma manifestação da empresa proprietária da aeronave, ou do piloto, para explicar o fato.