Início Acidentes e Incidentes Está fora de serviço um grande avião A380 da British devido a...

Está fora de serviço um grande avião A380 da British devido a dano por ‘bird strike’

Airbus A380 – Imagem: Clément Alloing

A companhia britânica British Airways entrou, no início deste mês, na lista das empresas aéreas que voltaram a operar regularmente o grande avião de dois andares Airbus A380, depois do longo período mantido em solo por consequência das incertezas sobre a viabilidade do modelo diante da crise gerada pela pandemia da Covid-19.

Como vimos, no dia 8 de novembro a British fez a primeira operação com o A380, porém, o jato geralmente utilizado em viagens de longa duração vem sendo empregado apenas em voos curtos partindo de Londres-Heathrow para dois destinos europeus, Madrid, na Espanha, e Frankfurt, na Alemanha.

O objetivo dessa escolha é primeiro fazer o treinamento de readaptação das tripulações, que ficaram por mais de um ano e meio sem voar o modelo, e só depois reestreá-lo nas rotas para cidades mais distantes.

A perspectiva é de que voos com o gigante quadrimotor sejam iniciados em 3 de dezembro, para Miami, nos Estados Unidos, com outros destinos nos dias posteriores. E para a readaptação acima descrita, a empresa inglesa até agora recolocou em serviços regulares três de seus doze A380. Um deles, no entanto, está agora parado desde este domingo, 28 de novembro, devido a um incidente em voo.

O avião registrado sob a matrícula G-XLEF cumpria o voo BA-462, do Londres para Madrid, quando enfrentou um “bird strike”, ou seja, uma colisão com ave, durante sua aproximação para o pouso no Aeroporto Barajas.

A trajetória do voo do A380 de Londres a Madrid – Imagem: RadarBox

Segundo relata o The Aviation Herald, a colisão do animal se deu com a carenagem de entrada do motor número 2 (posição interna da asa esquerda) e depois ele foi ingerido pelo motor.

Apesar do incidente, a aeronave continuou para um pouso seguro na pista 32L do aeroporto espanhol e taxiou normalmente até o portão de desembarque, porém, não pôde partir no voo de retorno, que ocorreria pouco mais de uma hora depois.

A trajetória de solo do A380 no aeroporto de Madrid – Imagem: FlightRadar24

O Airlive descreve que os passageiros receberam a informação de que seu voo para o Aeroporto Heathrow de Londres foi cancelado “devido a grandes danos” à aeronave.

Até a publicação desta matéria, ainda não havia detalhes ou imagens sobre a extensão dos danos ao motor e o Airbus A380 continuava em solo mais de 15 horas após o pouso.

Além do G-XLEF, os outros dois grandes aviões que estão de volta aos voos regulares na British Airways são os de matrículas G-XLEG e G-XLEL. Este último, no entanto, está parado em Londres desde a sexta-feira, 26, portanto, ao menos na manhã desta segunda-feira, 29, apenas um A380 da companhia está efetivamente operando.

Sair da versão mobile