Crescimento mensal da aviação do Brasil foi de 42,5% de junho a julho de 2021

A demanda por voos domésticos medida em passageiros pagantes vezes quilômetros voados (RPK – Revenue Passenger-Kilometers) registrou um forte crescimento de 42,5% em julho, em relação a junho, segundo a Associação Brasileira das Empresas Aéreas (ABEAR). Os dados foram divulgados hoje (31) pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) e compilados pela Associação.

Por sua vez, a oferta, calculada em assentos oferecidos vezes quilômetro voados (ASK – Available Seat-Kilometers), avançou 39,3% na mesma comparação.

Estes dados mensais da aviação doméstica do Brasil agora divulgados estão em linha, conforme esperado, com a média dos resultados que acompanhamos aqui no AEROIN no início do mês, quando vimos que a Azul comunicou aumento de 29% na demanda RPK de junho a julho, a GOL, de 53,6%, e a LATAM Brasil, de 47,0%.

No mercado internacional, a demanda RPK teve alta de 45,7% e a oferta aumentou 14,3% em comparação com junho.

Comparação com 2019

Como vimos em outra matéria mais cedo nesta terça-feira, também de acordo com dados da ANAC, em comparação com o período antes da pandemia do novo coronavírus (julho de 2019), a demanda RPK por voos domésticos em julho de 2021 teve queda de 23,6%, e a oferta, retração de 22,1%.

A taxa de ocupação das aeronaves foi de 82,8%, redução de 1,7 ponto percentual sobre 2019. Ao todo, foram transportados 5,9 milhões de passageiros, queda de 31,3%.

No mercado internacional, a demanda RPK ainda está 80,3% abaixo do nível do mesmo mês de 2019, e a oferta ASK, 65,1% menor. No total, foram embarcados 347 mil passageiros, uma diminuição de 84,3%.

Cargas

Segundo a ABEAR, o transporte aéreo de cargas no mercado interno teve queda de 10,7% na comparação de julho de 2021 com igual período de 2019. No mercado internacional essa atividade registrou crescimento de 27,3%.

Com informações da ABEAR e da ANAC

Murilo Bassetohttp://aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias