Decola para o Brasil o 2º exemplar do maior avião da Azul Linhas Aéreas; acompanhe

O A350 partindo hoje, em cena do vídeo abaixo

Acaba de decolar rumo ao Brasil nesse início de tarde de quinta-feira, 8 de dezembro, o segundo exemplar do maior modelo de avião da frota da Azul Linhas Aéreas, o Airbus A350-900.

O jato, registrado sob a matrícula provisória F-WTAK e de número de fabricação (MSN) 124, havia voado de Abu Dhabi para Tarbes, na França, no final de novembro, já com a pintura completa da companhia brasileira, dando indícios de que não demoraria para estar pronto para a entrega.

Agora, o momento da chegada de mais um grande jato para a Azul chegou. O A350 decolou às 13h40 (horário de Brasília) de Tarbes, como pode ser visto no vídeo a seguir.

Além da partida vista na gravação acima, o voo pode ser acompanhado em tempo real na tela do FlightRadar24 abaixo (pode não aparecer em momentos em que não estiver sendo captado), ou no RadarBox neste link. A chegada ao Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins (MG), está prevista por volta da meia-noite dessa noite de quinta para sexta-feira.

De futura matrícula brasileira PR-AOW, a aeronave faz parte da encomenda original feita pela Azul anos atrás, que acabou sendo suspensa e depois reativada. Neste meio tempo, o jato voou pela chinesa Hong Kong Airlines do grupo HNA, antigo acionista da Azul.

Configurado para 334 assentos, sendo 301 na Classe Econômica e 33 assentos-cama na Classe Executiva, o avião deverá, após os trâmites de importação de Confins, juntar-se ao PR-AOY, que já chegou há algumas semanas ao Brasil, para em breve iniciarem os voos comerciais da Azul entre o Aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP), e Orlando, nos Estados Unidos.

Murilo Basseto
Murilo Bassetohttp://aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e com Pós-Graduação em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias

Irresponsáveis soltaram balões hoje ao lado do aeroporto de Campinas na...

0
A enorme irresponsabilidade de pessoas que soltam balões bem próximo de aeroportos se repete com alta frequência e por todo o país.