Início Indústria Aeronáutica

Embraer fecha 2020 com 130 jatos entregues, sendo 71 só no 4º trimestre

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Depois de um ano muito fraco em função das companhias aéreas solicitarem adiamentos de entregas por conta da crise gerada pela pandemia no setor, a fabricante brasileira de aviões Embraer viu uma aceleração no último semestre de 2020, que gerou mais da metade de todas as entregas do ano.

Segunda divulgação nesta sexta-feira, 12 de fevereiro, a Embraer informa que entregou 71 jatos no quarto trimestre de 2020 (4T20), sendo 28 comerciais e 43 executivos (23 leves e 20 grandes), totalizando 130 jatos em 2020, sendo 44 comerciais e 86 executivos (56 leves e 30 grandes).

Os valores representam uma queda de 10 aeronaves entregues no trimestre em relação ao mesmo período de 2019, e uma redução de quase 35% no ano todo de 2020 em relação ao anterior, quando 198 jatos foram entregues.

Embora tenham acelerado durante o quarto trimestre de 2020 em relação aos três trimestres anteriores, a Embraer destaca que as entregas ainda foram fortemente impactadas, principalmente na aviação comercial, pela pandemia da Covid-19.

Em 31 de dezembro de 2020, a carteira de pedidos firmes a entregar totalizava USD 14,4 bilhões.

Destaques do trimestre

Durante o 4T20, a Embraer Aviação Executiva entregou o primeiro Praetor 600 de frota para a Flexjet, cliente frotista de lançamento dos modelos Praetor.

A unidade de negócios também anunciou uma colaboração com a Porsche para criar o Duet, composto por edições limitadas do jato Embraer Phenom 300E e do Porsche 911 TurboS.

Imagem: Embraer

A Embraer anunciou também a conclusão e entrega da primeira conversão na Europa de um Legacy 450 em um jato Praetor 500 para um cliente não divulgado. A conversão foi realizada no Centro de Serviços para Jatos Executivos da Embraer, no Aeroporto Internacional Le Bourget, em Paris, na França

Na Aviação Comercial, a companhia aérea nacional bielorrussa Belavia recebeu seu primeiro jato E195-E2. Já a Congo Airways fez um pedido firme para dois jatos E195-E2, em edição ao pedido firme já existente para dois jatos E190-E2. Este novo pedido firme foi incluído na carteira de pedidos do quarto trimestre de 2020 da Embraer.

Imagem: Felipe Carneiro

A Embraer Defesa & Segurança entregou o quarto avião de transporte multimissão C-390 Millennium para a Força Aérea Brasileira (FAB) no quarto trimestre. Todas as aeronaves encomendadas pela FAB estão preparadas para realizar missões de reabastecimento aéreo, com a designação KC-390 Millennium.

A Embraer também entregou à FAB as duas primeiras aeronaves modernizadas EMB 145 AEW&C, de Alarme Aéreo Antecipado e Controle e Alarme em Voo, designada na FAB como E-99. Três aeronaves E-99 adicionais serão modernizadas como parte do contrato.

Informações da Embraer

Sair da versão mobile