Empolgada com o A350 cargueiro, Airbus também considera A321neo para cargas

A Airbus parece estar apostando mais fichas no mercado de carga aérea, inclusive com aviões cargueiros de fábrica. Após o anúncio do A350F, pode vir aí o A320F neo

Concepção Artística – Imagem meramente ilustrativa

Após meses de rumores, a fabricante europeia finalmente anunciou o A350F, versão cargueira do seu avião mais moderno. O lançamento veio na esteira do sucesso da conversão de jatos A321ceo de passageiros para cargueiros. A alta dispobinilidade do A321, que se tornou um dos mais populares modelos da Airbus, somado ao fato de ter ocupado cada vez mais o espaço deixado pelo Boeing 757, está fazendo com que a fabricante pense além.

Atualmente, a conversão é feita apenas nos A321ceo (current/classic engine option) que tem os motores CFM56 ou IAE V2500 de geração antiga. Mas agora a Airbus estaria conversando com potenciais clientes para lançar a versão cargueira no A321neo. O Neo vem de “New Engine Option”, ou “nova opção de motor”. Nesta versão são oferecidos os motores Pratt & Whitney PW1100G ou CFM LEAP 1A, que são até 30% mais econômicos, melhorando em muito a performance da aeronave.

Esta versão tem sido um sucesso de vendas no mercado de passageiros e agora a ideia é replicar o projeto na versão cargueira, segundo reporta o portal Leeham News and Analysis.

Mais detalhes do avião ainda não foram revelados, mas é esperado que saia de fábrica pronto para levar cargas, contando com vantagens que o jato convertido não oferece. As cenas dos próximos capítulos prometem.

Carlos Martins
Carlos Martins
Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagem pela Avianca Brasil. #GoBroncos #GoBeach #2A

Veja outras histórias