Empresa do avião de duas fuselagens faz parceria para acelerar projeto e teste de veículos hipersônicos

Imagem: Stratolaunch

A Stratolaunch – empresa norte-americana que projetou, construiu e está testando o Roc, um avião de duas fuselagens e a aeronave com a maior envergadura no mundo – informa que estabeleceu uma parceria com a Purdue University para reduzir o tempo necessário para projetar, construir, testar e pilotar veículos hipersônicos.

A missão da Stratolaunch é promover a tecnologia de alta velocidade por meio de design, fabricação e operação de inovadores veículos aeroespaciais de classe mundial, cujos lançamentos serão feitos pelo Roc em voo, a partir de um suporte fixado entre as duas fuselagens, sob a parte central da enorme asa.

A empresa estabelecerá o Escritório de Programas Avançados Stratolaunch no Centro de Convergência no Discovery Park District da Purdue, em West Lafayette, Indiana, para garantir que os objetivos da colaboração sejam alcançados rapidamente. O escritório será liderado por um experiente diretor de design avançado com equipe de apoio que oferecerá oportunidades para estágios de estudantes.

Por meio de sua colaboração, a Stratolaunch e a Purdue aproveitarão os métodos de design hipersônico multidisciplinar de classe mundial da universidade, instalações de teste no solo, professores, funcionários e alunos para ancorar simulações no solo.

Imagem: Stratolaunch

Ao combinar essa capacidade com a fabricação de prototipagem rápida da Stratolaunch, serviço de ensaio de voo, bem como dados de testes de voo hipersônico do Talon-A, a equipe integrada desenvolverá metodologias para acelerar o tempo de projeto até o voo de sistemas hipersônicos.

A Stratolaunch financiou recentemente um projeto de pesquisa colaborativa de um ano com quatro especialistas do corpo docente da Purdue e seus alunos de pós-graduação para explorar e estabelecer uma base dos melhores recursos computacionais e experimentais da categoria, que podem ser usados ​​para criar o conjunto mais abrangente de ferramentas de otimização de projeto de veículos aéreos validados por voo.

“Estou entusiasmado com nossa parceria com a Purdue por causa das implicações positivas que ela tem para simplificar as capacidades de design hipersônico de nossa nação”, disse o Dr. Zachary Krevor, CEO e presidente da Stratolaunch. “Reduzir os cronogramas de desenvolvimento e teste de veículos hipersônicos é fundamental para alcançar tecnologias críticas de avanço”.

“As capacidades exclusivas da Stratolaunch para fornecer acesso a dados de voo em condições hipersônicas de longa duração complementam os laboratórios hipersônicos avançados da Purdue e a pesquisa de ponta de nosso corpo docente para aprimorar essas tecnologias, proporcionando aos nossos alunos experiências de aprendizado do mundo real”, disse o presidente da Purdue, Mung Chiang.

Murilo Basseto
Murilo Bassetohttp://aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e com Pós-Graduação em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias