Estado russo financiará novo projeto de aeronave e a finalização do turboélice Ilyushin Il-114

Ilyushin Il-114-300 – Imagem: Ilyushin

No próximo ano, o governo da Rússia alocará quase 900 milhões de rublos (aproximadamente US$ 13 milhões), na United Aircraft Corporation (UAC) para iniciar a implementação de um projeto de design de aeronave de fuselagem larga de longo alcance. O pedido foi publicado no portal de informações oficial russo, na última segunda-feira (26).

Conforme relata o site Aviacionline, o governo também pretende investir mais de 550 milhões de rublos (cerca de US$ 5,5 milhões) para terminar a aeronave Ilyushin Il-114-300.

O Il-114 é um avião de passageiros turboélice regional projetado para companhias aéreas domésticas, que podem operar em regiões com infraestrutura precária e condições climáticas difíceis. O bimotor possui ainda a capacidade para transporte de 68 passageiros e autonomia de 2.000 quilômetros e vem equipado com motores Klimov TV7-117ST-01, que produzem 3.100 cavalos de potência.

O modelo foi apresentado pela primeira vez no Salão Internacional de Aviação e Espaço MAKS 2021. No entanto, o protótipo apresentado não era novo, mas uma evolução de outro projeto construído na década de 1990 e posteriormente atualizado. A segunda unidade da aeronave, por sua vez, foi construída do zero, com peças completamente novas.

Espera-se que o Il-114 substitua as famílias de aeronaves An-24 e An-26 das companhias aéreas russas e se torne uma alternativa aos aviões importados banidos da Rússia por conta das sanções ocidentais. 

O aparecimento na Rússia de uma aeronave como o Il-114-300 é extremamente importante. Trata-se de um avião de passageiros turboélice totalmente doméstico que poderá proporcionar mobilidade aérea à população em regiões de difícil acesso do Norte, Extremo Oriente e Sibéria. Portanto, este programa é uma prioridade para nós“, disse Sergei Yarkovoy, 1º Vice-Diretor Geral da AUC.

A companhia aérea Aurora tem um pedido de 19 unidades, o que a tornará o cliente-lançador do modelo. O acordo foi assinado com a arrendadora estatal GLTK, com previsão de entrega das primeiras unidades em 2023.

Leia mais:

Juliano Gianotto
Juliano Gianotto
Ativo no Plane Spotting e aficionado pelo mundo aeronáutico, com ênfase em aviação militar, atualmente trabalha no ramo de fotografia profissional.

Veja outras histórias

Com novo centro de investigações de acidentes aéreos, Colômbia quer ser...

0
Na terça-feira (7), a Aeronáutica Civil da Colômbia (Aerocivil) anunciou o início da construção de um novo Centro de Investigação