Início Acidentes e Incidentes

Exótico avião Beluga sai da pista e atola enquanto tentava dar meia-volta

O avião que “parece uma baleia”, o Airbus Beluga XL, atolou num pequeno aeroporto francês após tentar dar meia-volta. Imagens do incidente foram publicadas nas redes sociais, mostrando o jato cargueiro em “apuros”. Em fotos compartilhadas pelo usuário do Twitter Thomas Philibert (abaixo, esperar carregar), é possível ver melhor o que aconteceu.

A aeronave em questão é uma derivação do Airbus A330-200, adaptado para o transporte de peças superdimensionadas, que não cabem nos porões dos jatos cargueiros normais. Trata-se de um equipamento que serve à própria Airbus, levando grandes peças de aeronaves das plantas produtivas até as linhas de montagem da fabricante europeia.

No incidente deste final de semana, o Beluga XL de matrícula F-GXLN (e número de cauda 5), voou de Saint-Nazaire para Méaulte, uma pequena cidade no norte da França, onde existe um centro de desenvolvimento da fabricante, além de uma pequena linha de montagem de componentes para os jatos comerciais. A carga era de peças e maquinário para a unidade de Méaulte, que fica ao lado do Aeroporto Albert-Picardie.

O referido aeroporto de destino tem uma pista de 2.200 metros de comprimento e 45 metros de largura, onde é necessário ir até o final dela para realizar o chamado back-track, procedimento em que a aeronave dá meia volta num pequeno “retorno” que existe no final da pista e taxia por ela rumo ao pátio de estacionamento.

E foi exatamente aí, após o pouso e enquanto fazia o retorno, que o A330 saiu da pista atolando o trem de pouso dianteiro e o principal do lado direito. O incidente aconteceu no final da manhã de sexta e no sábado ainda não tinham tirado a aeronave da pista. Trata-se de um caso sem riscos à segurança dos ocupantes, mas que causa grande transtorno a quem precisa usar o aeroporto.

Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagem pela Avianca Brasil. #GoBroncos #GoBeach #2A