Furtos no aeroporto de Viracopos (SP) aumentam em 65%, aponta relatório

Imagem: Ricardo Lima / Aeroportos Brasil Viracopos

Quando se chega a um aeroporto para pegar um voo, seja a turismo ou a negócios, um dos pontos que mais se espera no terminal, além do conforto, comodidade e praticidade, é a segurança, ponto que um dos principais aeroportos do país está com índices crescentes nos últimos meses.

De acordo com informações da Polícia Civil de São Paulo, divulgadas pela CBN, em um levantamento feito pelo órgão judiciário junto à Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP-SP), o número de furtos registrados na delegacia do aeroporto internacional de Viracopos, em Campinas, aumentou em 65% em comparação ao primeiro semestre de 2021.

Segundo esses dados, 53 furtos foram registrados nos seis primeiros meses deste ano, versus os 32 registrados no mesmo período do ano passado, número relativamente mais alto.

Apesar do levantamento apresentado pela CBN, a concessionária administradora do terminal campineiro afirma que a comparação entre 2022 e 2021 é falha, conforme a explicação a seguir:

“A Concessionária Aeroportos Brasil Viracopos, administradora do Aeroporto Internacional de Viracopos, informa que colabora com os órgãos de Segurança Pública sediados no aeroporto para realizar melhorias constantes na segurança do complexo aeroportuário, no qual transitam, em média, 35 mil pessoas por dia.

Cabe destacar que há dentro do complexo aeroportuário uma base da Polícia Militar, uma delegacia da Polícia Civil e uma delegacia da Polícia Federal, que são os órgãos responsáveis pela segurança pública. No entanto, vale ressaltar que nem todos os casos registrados na Delegacia da Polícia Civil sediada em Viracopos ocorreram necessariamente dentro do aeroporto.

Neste ano de 2022, a concessionária apoiou a realização de três operações Iter Criminis (Caminhos do Crime) realizadas nas principais vias de acesso do aeroporto pelos órgãos de segurança pública.

Importante contextualizar que Viracopos registrou recorde histórico de movimento de passageiros no 1º semestre de 2022, com 5,51 milhões de passageiros, que é o equivalente a quase cinco vezes a população de Campinas. A estimativa é de que o aeroporto encerre este ano com mais de 11 milhões de passageiros.

Por fim, os anos de 2020 e de 2021 foram impactados bruscamente pela queda de movimento gerado pela pandemia, não fazendo qualquer sentido a comparação destes dois anos com o ano de 2022, em que houve a retomada da movimentação no aeroporto.

Quanto à comparação de 2022 com 2019, a concessionária destaca que o movimento no primeiro semestre de 2022 foi de quase meio milhão de passageiros a mais que no primeiro semestre de 2019, ano pré-pandemia, podendo, desta forma, impactar nos casos de segurança.”

Recorde de passageiros

A notícia vem num momento em que o Aeroporto Internacional de Viracopos registrou movimentação recorde de passageiros no acumulado do primeiro semestre de 2022 na comparação com o mesmo período da série histórica registrada desde 2012, que foi o ano de início da concessão.

Na soma dos primeiros seis meses de 2022, Viracopos teve 5.514.768 passageiros, um crescimento de 26,03% em relação ao primeiro semestre de 2021, que teve 4.375.702 passageiros.

Ou seja, Viracopos teve quase 1,2 milhão de passageiros a mais no primeiro semestre de 2022 em relação ao mesmo período de 2021, número superior ao total de habitantes de Campinas, por exemplo.

Pela projeção do primeiro semestre, a estimativa é que o aeroporto encerre o ano de 2022 com um novo recorde histórico anual de passageiros, superando 11 milhões de pessoas. O recorde anual anterior foi registrado em 2019, com aproximadamente 10,6 milhões de passageiros.

Leia também:

Arthur Gimenes Prado
Arthur Gimenes Prado
Estudante do Ensino Médio, 15 anos, foi repórter na TV Cultura Paulista e Rádio Morada do Sol FM, também com passagem como colunista no Portal do Andreoli e participações especiais na Record News, Rádio CBN e EPTV.

Veja outras histórias

Esquadrilha da Fumaça faz turnê no Nordeste na próxima semana com...

0
Entre o final de agosto e o início de setembro, a Esquadrilha da Fumaça tem agendada uma série de apresentações em cinco capitais