Gol usará seus Boeings 737 na rota entre Congonhas e a Zona da Mata (MG)

Boeing 737 da Gol Linhas Aéreas

Considerado um estratégico aeroporto do interior de Minas Gerais, o Presidente Itamar Franco, também conhecido como aeroporto da Zona da Mata, localizado entre as cidades de Rio Novo e Goianá (e atendendo à região de Juiz de Fora), está prestes a receber uma novidade de uma das companhias operantes no terminal, a Gol Linhas Aéreas.

De acordo com informações da Tribuna de Minas, a partir de 26 de março de 2023, a Gol Linhas Aéreas voltará a operar com sua principal aeronave pelo pátio do aeroporto mineiro, o Boeing 737 para o aeroporto de Congonhas (SP), colocando em vista o aumento da demanda no terminal, necessitando de aeronaves de grande porte para a rota.

A companhia atualmente já opera essa rota, mas em parceria com a empresa ribeirão-pretana Voepass, com aeronaves ATR 72-600.

Vale pontuar que o ATR-72, aeronave que operava essa rota com a companhia tem capacidade para apenas 68 passageiros, já o Boeing 737 tem uma capacidade bem maior, suportando nas configurações da Gol 138 passageiros no caso do 737-700 e 186 no 737-800. Por meio de nota para o site, a aérea afirmou que ambos os modelos da aeronave operarão nessa linha.

Também operam no terminal as companhias Azul Linhas Aéreas com destino à Campinas (SP) e Confins (MG) pela Azul Conecta, além da Latam para Guarulhos (SP).

Leia também:

Arthur Gimenes Prado
Arthur Gimenes Prado
Estudante do Ensino Médio, foi repórter na TV Cultura Paulista e Rádio Morada do Sol FM, também com passagem como colunista no Portal do Andreoli e participações especiais na Record News, Rádio CBN e EPTV.

Veja outras histórias

Boeing recebe outro processo judicial milionário, dessa vez de uma empresa...

0
A empresa aérea sul-africana Comair, hoje com operações suspensas, entrou com uma ação num tribunal federal americano contra a Boeing