Itapemirim informa que mandará três aviões para fora do país para ‘manutenção’

Em comunicação interna aos seus funcionários, a Itapemirim Transportes Aéreos informou que está reduzindo sua frota de sete para quatro aeronaves nesse momento, com envio de três Airbus A320 para fora do país. As matrículas das aeronaves não foram divulgadas e o motivo alegado é a necessidade de “manutenção preventiva no exterior”.

Na mesma carta, a companhia confirma que, até o momento, processou 29.483 reembolsos, enquanto realocou em outras empresas aéreas apenas 351 passageiros, lesados pelos cancelamentos de seus voos.

SALÁRIOS – Informando que atravessa o “momento mais crítico do negócio”, a companhia confirma aos funcionários que ainda não tem uma data prevista para a regularização dos pagamentos de salários e benefícios atrasados. A previsão anterior era regularizar até o dia 17 de dezembro, a mesma data em que suspendeu totalmente seus voos.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias