Início Aeroportos

Juristas católicos pedem que nome do Aeroporto de Goiânia não mude

Aeroporto Internacional de Goiânia – Imagem: Infraero

Como noticiado há poucos dias pelo AEROIN, o Aeroporto de Goiânia, atualmente chamado por “Santa Genoveva”, deverá mudar de nome para homenagear o ex-senador e governador de Goiás Iris Rezende Machado, recém falecido.

Um Projeto de Lei (PL) foi aprovado no Senado Federal permitindo a mudança do nome do aeroporto administrado pela Infraero. Mas, quando os Senadores aprovaram a medida, para homenagear o ex-colega, não imaginariam o impacto que a decisão iria causar.

A União dos Juristas Católicos da Arquidiocese de Goiânia (Unijuc), por meio de uma carta aberta nas redes sociais, manifestou-se contra a mudança de nome do aeroporto.

Na carta, a União, lembra do legado e carreira política de Iris, mas contrapõe e diz que “O Congresso Nacional deveria estar ocupado votando e discutindo projetos que consigam reerguer a economia brasileira e levar mais dignidade ao povo, que tanto sofre em razão da crise econômica”.

Também questiona “Qual benefício público terá o povo com a mudança do nome do aeroporto Santa Genoveva para aeroporto Iris Rezende?”, comparando com a também mudança de nome da tradicional Avenida Anhanguera da capital goiana para o mesmo nome Iris Rezende Machado e perguntando se, tanto para o aeroporto quanto para a avenida, virão investimentos do Governo Federal e melhorias.

A Unijuc ainda complementa ressaltando que as terras do aeroporto foram doadas pelo então proprietário Dr. Altamiro de Moura Pacheco, e que este “fez apenas duas exigências: homenagear a mãe, dona Genoveva, e que a área fosse destinada à atividade aeroportuária.”