Lufthansa revela avião-laboratório com uma pintura mais do que chamativa

Nesta sexta-feira, 28 de outubro, a Lufthansa apresentou, ainda extraoficialmente, o seu mais novo avião-laboratório para testes de motores movidos a hidrogênio. Trata-se de um Airbus A320 de longa história na empresa aérea alemã, que ficará incumbido de prover dados para a aviação do futuro.

As primeiras fotos do avião repintado foram compartilhadas pelo fotógrafo Dirk Grothe em sua conta no Twitter (ver abaixo, esperar pelo carregamento).

O avião selecionado para tal plataforma tem matrícula D-AIQF e foi produzido em 1991 para a Lufthansa e aposentado em 2020. Por um tempo, entre 2014 e 2017, voou pela Germanwings, uma outra empresa do grupo alemão. No total, foram 29 anos de serviços prestados ao transporte de passageiros.

Como próximas etapas do projeto, a aeronave será equipada com tanque de hidrogênio líquido e célula de combustível para servir de banco de testes para pesquisas. Em seu interior, a aeronave abrigará um laboratório para estudar a manutenção, reparo e processos de manuseio para futuras aeronaves movidas a hidrogênio.

O empreendimento é um projeto conjunto entre a Lufthansa Technik, o Centro Aeroespacial Alemão, o Centro ZAL de Pesquisa Aeronáutica Aplicada, além do Aeroporto e da Cidade de Hamburgo. A cidade, inclusive, também abriga uma linha de montagem da Airbus para a família A320 e quer ser reconhecida por seu empenho com práticas sustentáveis.

Inicialmente, os testes ocorrerão em uma escala relativamente pequena. Ao longo dos próximos meses, os parceiros vão testar os efeitos do Hidrogênio Líquido (LH2) em alguns processos selecionados e em solo, para então ampliar o uso do hidrogênio a bordo e em voos.

Carlos Ferreira
Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

LATAM deve pagar até 1,5 salário de participação de resultados para...

0
Uma das maiores companhias aéreas do país, a LATAM, anunciou que voltará a pagar participação de lucros para seus funcionários.