Novo mês, novo recorde: em setembro Viracopos segue no seu melhor ano de carga aérea

Airbus A330 cargueira pousando em Viracopos

O Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP), registrou novo recorde com uma alta de 48,74% no total de carga movimentada, em toneladas, nos primeiros nove meses de 2021 em relação ao mesmo mês do ano passado. Os dados indicam que o aeroporto teve os melhores nove meses desde o início da concessão.

Os resultados positivos foram alavancados, mais uma vez, por altas em todos os setores, de importação, exportação, remessas expressas (courier) e cargas nacionais (domésticas). Entre os segmentos em destaque estão os de tecnologia, farmacêutico, químico, metalmecânico, vestuário, calçados, frutas, autopeças, automotivo, papelaria, cargas vivas, entre outros diversos produtos.

De janeiro a setembro de 2021 foram embarcadas ou desembarcadas por Viracopos um total de 265.219 toneladas de carga aérea, ante 178.307 toneladas dos primeiros nove meses do ano passado (somados os dados de importação, exportação, carga nacional e remessas expressas).

No período, o TECA (Terminal de Carga) de Viracopos também se consolidou como uma das principais portas de entrada do Brasil de equipamentos e de vacinas usadas no combate à COVID-19. Até o final deste ano, o aeroporto será a porta de entrada de pelo menos 200 milhões de doses de vacinas. Na semana passada, o aeroporto completou 100 milhões de doses recebidas no ano.

Setembro

Além do somatório do ano, o mês de setembro também apresentou resultados positivos, chegando a 37,2% de alta em relação ao mesmo período do ano passado. Foram 32.774 toneladas em setembro de 2021 ante 23.896 toneladas no mesmo mês de 2020. Já em setembro de 2019, haviam sido 17.405 toneladas, portanto, um aumento de quase 90%.

De acordo com levantamento da concessionária Aeroportos Brasil Viracopos, administradora do aeroporto, o mês de setembro de 2021 representou o melhor resultado para um mês desde o início da concessão, em 2013.

Informações da Aeroportos Brasil Viracopos

Murilo Bassetohttp://aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e com Pós-Graduação em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias