Passageira acusa Delta de fazer pouco caso após emergência com queda de máscaras

CRJ-700 da Delta Air Lines – Imagem: Colin Brown Photography / CC BY 2.0, via Wikimedia Commons

Uma passageira que estava a bordo de um voo da Delta Connection, com origem no Aeroporto Internacional John F. Kennedy em Nova York e destino ao Aeroporto Internacional de Minneapolis-Saint Paul, ambos nos Estados Unidos, acusa a subsidiária da Delta Air Lines de minimizar uma despressurização e pouso emergencial que aconteceu em seu voo.

O incidente ocorreu por conta de uma delaminação que levou ao estilhaçamento de uma parte do para-brisa do avião, um CRJ-700, sob a matrícula N391CA.

Entendendo o caso

Após a equipe de bordo identificar uma parte do vidro do para-brisa delaminada, foi solicitado um pouso alternativo no aeroporto de Detroit, já que a aeronave estava sobre território canadense a apenas 45 minutos da cidade americana.

Durante a descida, o para-brisa se estilhaçou, levando a tripulação a iniciar uma descida de emergência para 10.000 pés. Houve a queda das máscaras de oxigênio, o que para muitos que não estão acostumados com a situação, pode ser um cenário de pânico.

Segundo a passageira, que fez seus relatos via TikTok, a aérea deveria ter levado mais a sério o que ela viu como uma emergência. Ela disse que sentiu que a atitude da companhia foi de “diminuir e invalidar” a experiência que os passageiros enfrentaram ao falar que foi apenas um desvio ao invés de um pouso de emergência, e que “não havia nenhum comissário de bordo por perto para nos ajudar. Fomos deixados por conta própria”.

É importante lembrar que em caso de despressurização os comissários não podem dar auxilio porque também são obrigados a seguir a recomendação de colocar a máscara de oxigênio e sentar-se durante a descida, para evitar se machucar ou ficar incapacitado. É por isso que as instruções de emergência são informadas antes da decolagem.

A ‘TikToker’ também criticou o estado do equipamento de emergência, alegando que as máscaras de oxigênio pareciam velhas e a tira elástica de uma máscara não parecia estar funcionando corretamente.

@diana.gremillion In my last video: What @delta wont tell you about what happened on #Deltaflight5441 #emergencylanding #oxygenmasks #lostbaggage #customerservice ♬ This is a joke right – Jackary
@diana.gremillion Reply to @reebonn3 @delta what are you trying to cover up? #safetyfail #customerservice #oxygenmasks #lostbaggage #emergencylanding #Deltaflight5441 ♬ Creepy – Mr. Dederden

Conforme os vídeos acima, ela ainda reclama que após todo o incidente “Alguém se desculpou, mas foi uma daquelas desculpas em que alguém pede desculpas, mas não sente muito com base em suas ações”.

Arthur Gimenes Prado
Estudante do Ensino Médio, 14 anos, foi repórter na TV Cultura Paulista e Rádio Morada do Sol FM, também com passagem como colunista no Portal do Andreoli e participações especiais na Record News, R7, Rádio CBN e EPTV.

Veja outras histórias