Passageiro surta no aeroporto de Guarulhos após ser impedido de embarcar com seu coelho

Uma situação atípica foi registrada no aeroporto de Guarulhos na noite de quinta-feira (18), depois que um passageiro e sua companheira surtaram ao saber que não poderiam embarcar com seu coelho. A equipe da empresa aérea interveio e o caso terminou em gritaria e briga. Horas mais tarde, a companhia aérea contemporizou e assumiu o erro.

Um vídeo, gravado por uma testemunha, mostra o momento em que um jovem fica perplexo ao saber que, apesar de estar com toda a documentação em mãos, não poderia acessar um voo da KLM rumo a Amsterdã, porque seu coelho estava impedido de embarcar.

Ouve-se gritaria e confusão, até que mais pessoas intervêm e o conflito se torna numa briga, com o rapaz sendo agredido pelas equipes da empresa aérea e do aeroporto. Em certo momento, a funcionária da empresa aérea manda o passageiro “parar de chorar”.

Assista ao vídeo abaixo:

/center>

Segundo matéria do g1, a empresa se pronunciou, informando que “lamenta profundamente que a situação tenha escalado para um desentendimento no local de embarque” e afirma condenar “qualquer tipo de comportamento violento de passageiros e colaboradores”. Ao mesmo tempo, ela assumiu a falha, dizendo que um problema de comunicação resultou na confusão.

Tudo isso porque os passageiros tinham autorização judicial para levar seu animal, mas a informação não teria chegado à equipe do aeroporto de Guarulhos. Por sua vez, os funcionários da empresa no terminal teriam procurado seguir as regras da empresa, que impedem o embarque de animais roedores por motivos de segurança.

A empresa aérea embarcou o casal e o animal no voo do dia seguinte, mas existe uma grande probabilidade de que esse assunto não acabe por aqui.

Mais tarde, os advogados do casal divulgaram uma nota, que pode ser lida abaixo.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias