Passageiros se revoltam e quebram check-in da GOL após voo atrasado e assistência falha

Uma cena de quebradeira e briga se instalou no check-in da GOL Linhas Aéreas em Guarulhos, após um voo atrasar e a companhia supostamente não prestar assistência. Era tarde da noite e os passageiros não receberam alimentação adequada, não sabiam se teriam o voo ou se seriam realocados em hotéis, o resultado é o vídeo compartilhado abaixo.

Cena do vídeo que você vê logo abaixo

O vídeo foi gravado na noite de ontem (1), depois que o voo G3-1324 da GOL, com destino a Confins (BH), partiu no final da tarde, mas teve que retornar a Guarulhos, deixando os passageiros por horas esperando sem informações. Segundo contatos próximos, que estavam nesse voo, já era tarde da noite e os viajantes ainda não tinham sido acomodados em outro avião ou colocados em hotéis.

O que houve

A aeronave decolou às 18h04 de Guarulhos e seguiu rumo à capital mineira. No entanto, com condições meteorológicas desfavoráveis, os pilotos decidiram que o melhor seria retornar a Guarulhos. O pouso na cidade da Grande São Paulo ocorreu normalmente às 20h16 locais, após 2h10 de voo, como mostram os dados do RadarBox.

Após o retorno, a companhia decidiu manter todos embarcados a fim de verificar se as condições melhoravam para que o voo prosseguisse. Nesse ínterim, a tripulação regulamentou (atingiu o máximo de horas que pode voar por dia) e teve que ser trocada.

Duas horas depois, às 22h, os passageiros, irritados, começaram a pedir para desembarcar da aeronave. Com várias pessoas tendo desistido de viajar, a documentação do voo teria que ser alterada e, então, todo o avião foi desembarcado. A irritação aumentou com a demora da GRU Airport de mandar um veículo para retirar os passageiros da aeronave, que estava parada numa posição remota.

Após o desembarque, os passageiros foram orientados a irem se alimentar. No entanto, a confusão continuou, já que a única lanchonete disponível no momento não conseguiu dar conta da demanda e deixou passageiros sem conseguir comer.

Como o aeroporto de Confins seguiu fechado pelo mau tempo, os passageiros foram mantidos no terminal do aeroporto e a falta de informações resultou nas cenas se selvageria disponíveis abaixo.

As cenas

As cenas foram gravadas pelo Major Bonfim e acabaram sendo deletadas de seu Instagram, mas foram salvas pelo portal O Antagonista, e mostram um casal mais exaltado, que começa a cobrar uma resolução. No vídeo, a mulher começa a quebrar parte do equipamento que está no balcão de check-in da GOL no GRU Airport, em São Paulo, e ameaça chamar a Polícia.

Em seguida, o seu marido pega um poste que serve como divisor de fluxo e ameaça funcionários, antes de usar o objeto para quebrar um acrílico de proteção (instalado na pandemia como bloqueio para o coronavírus). Ao quebrar esse acrílico, acaba atingindo o funcionário da GOL, que estava sentado, que fica sem reação.

Nos dois primeiros vídeos, é possível ver que apenas o casal estava mais exaltado, enquanto os outros passageiros não esboçam reação. Já no último vídeo a mulher aparece dentro da área do check-in, aparentemente passando mal, recebendo assistência de algumas pessoas enquanto outras começam a reclamar com os funcionários da GOL.

Como desfecho da história, as pessoas acabaram sendo realocadas a hotéis e um novo voo foi agendado para 13 horas dessa terça, 2 de novembro.

NOTA DA GOL: “A GOL informa que, após a decolagem, o voo G3 1324 (Guarulhos – Confins) precisou retornar ao Aeroporto de Guarulhos, por conta das condições meteorológicas adversas em Confins. A Companhia ressalta que ofereceu o suporte necessário a todos os clientes e acomodou os passageiros para seguir viagem em voos programados para esta terça-feira.”

Carlos Martins
Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagem pela Avianca Brasil. #GoBroncos #GoBeach #2A

Veja outras histórias

Azul tem destaque e conquista o primeiro lugar em ranking de...

0
O ranking setorial da Merco (Monitor Empresarial de Reputação Corporativa), que desde 2014 realiza levantamentos sobre a reputação