Piloto português da TAP é preso tentando embarcar com punhal na Alemanha

Avião Airbus A319 TAP Air Portugal
Imagem: Curimedia / CC BY 2.0 via Wikimedia Commons

A tentativa de embarque armado de um piloto português da TAP acabou em prisão na Alemanha, após um punhal ser detectado. O caso aconteceu no Aeroporto de Hamburgo, onde um copiloto da companhia estatal portuguesa estava ingressando na sala de embarque para tripular um voo de rotina até Lisboa. O tripulante de 25 anos foi revistado e foi encontrado na sua canela, dentro da meia, um punhal.

O objeto é uma lâmina com cabo e guarda mão amplo, sendo altamente letal, até mais que uma faca, já que maioria dos modelos tem dois lados de corte.

Historicamente, também é uma peça de colecionismo, sendo utilizada por civilizações antigas em batalhas históricas e também bastante retratado em filmes como “Kill Bill” e “Sete Homens e um Destino”.

Segundo o jornal O Novo, o co-piloto foi preso e só liberado após pagar uma fiança de €500 euros (R$2.744) por violação das leis de armas do país. Ele não foi autorizado a tripular o voo após sair da detenção. A TAP confirmou o caso e afirma que está colaborando com as autoridades alemães, e que já está tomando as medidas internas, sem detalhar se o tripulante será punido.

Carlos Martins
Carlos Martins
Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagem pela Avianca Brasil. #GoBroncos #GoBeach #2A

Veja outras histórias