Pilotos de Learjet ouvem barulhos e pousam no Galeão com para-brisa rachado

Learjet semelhante ao evolvido a ocorrência – Imagem: aeroprints.com, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia

Na semana passada, o Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (CENIPA) recebeu um reporte de um incidente envolvendo um Bombardier Learjet 40, que teve problemas no para-brisa durante o voo. A ocorrência aconteceu com a aeronave de matrícula PT-XDN, da Líder Táxi Aéreo, que deveria realizar um voo entre o Rio de Janeiro e Porto Velho, em Rondônia, na última sexta-feira (25).

De acordo com informações do CENIPA, a aeronave decolou do Aeroporto Santos Dumont com dois passageiros e dois tripulantes, por volta das 06h15 locais. Durante a fase de subida, os pilotos ouviram um barulho vindo do para-brisa direito, onde foi verificado trincas e rachaduras.

Diante da situação, a tripulação solicitou o desvio para o Aeroporto Internacional do Galeão, onde o pouso foi realizado sem intercorrências. O CENIPA relatou danos leves à aeronave. Não houve feridos na ocorrência.

Vale destacar que a destruição total do vidro do para-brisa é algo bastante raro de acontecer, com raríssimos relatos. Os vidros das aeronaves são geralmente feitos em camadas, justamente para mitigar o risco de uma quebra completa. Em incidentes como o citado acima, geralmente apenas uma, ou algumas, das camadas que compõem o material é danificada, não resultando em situação de grande risco.

Leia mais:

Juliano Gianotto
Juliano Gianotto
Ativo no Plane Spotting e aficionado pelo mundo aeronáutico, com ênfase em aviação militar, atualmente trabalha no ramo de fotografia profissional.

Veja outras histórias

Escada se movendo e forte chuva levam Boeing 787 a arremeter...

0
A arremetida de última hora de um Boeing 787 na tarde de hoje em Guarulhos foi provocada pelos efeitos da forte chuva.