Pilotos voltam avião à origem após não conseguirem fechar uma janela em voo; ouça

Boeing 737-800 – Imagem: Eric Salard / CC BY-SA 2.0, via Wikimedia Commons

As comunicações dos pilotos de um jato comercial com os controladores de tráfego aéreo mostram que um avião precisou ser levado de volta ao aeroporto de origem depois de não haver sucesso na tentativa de fechamento de uma janela logo no início do voo.

O incidente aconteceu no dia 2 de janeiro, envolvendo o Boeing 737-800 registrado sob a matrícula N314PD, operado pela American Airlines, quando realizando o voo AAL-2538 do Aeroporto Internacional de Los Angeles para o Aeroporto Internacional de Fort Lauderdale, ambos nos Estados Unidos.

Conforme o vídeo que você assiste abaixo, logo após a partida um dos pilotos informou que eles tinham uma janela aberta e estavam tentando fechá-la. Mais tarde, sem sucesso na tentativa, foi solicitado o retorno ao aeroporto de Los Angeles.

No player a seguir você acompanha toda a sequência das comunicações, bem como uma reconstituição gráfica da trajetória da aeronave, desde a decolagem até a aproximação de volta à origem. Abaixo dele, deixamos a tradução de parte das comunicações. A depender do dispositivo em que você está assistindo, pode ser possível utilizar o menu no canto do vídeo para adicionar legendas e também acionar a tradução automática das legendas para o português.

Transcrição de parte das comunicações, feita pelo canal You can see ATC:

TORRE: American 2538, vento 350º a 3 nós, RNAV DOCKR, pista 25R, liberado para decolagem.

AAL2538: RNAV DOCKR, 25R, liberado para decolagem, American 2538.

TORRE: American 2538, contate SoCal Departure, bom dia.

AAL2538: Departure, American 1538.

AAL2538: Torre, 1538.

TORRE: 1535, vá em frente.

AAL2538: Temos uma janela aberta aqui, precisamos desacelerar um pouco e se não conseguirmos fechá-la podemos precisar de vetores para voltar.

TOWER: American 1538, entendido, onde você está?

AAL2538: Estamos no nível 5000. Você quer que a gente passe ao controle de partida?

TORRE: 1538, afirmativo, contate o SoCal Departure.

AAL2538: Entendido.

AAL2538: SoCal Departure, American 1538.

PARTIDA: American 2538, contato radar, mantenha 17000.

AAL2538: Estamos no nível 5000. Gostaríamos de ficar nesse nível se pudermos por um minuto. Temos uma janela aberta com a qual estamos lidando.

PARTIDA: American 2538, entendido, mantenha 5000. Você quer continuar nessa direção?

AAL2538: Se precisarmos de um rumo para 5000, sim, aceitaremos.

PARTIDA: Ok, você pode ficar nesse rumo ou você pode manter o perfil da saída, mantendo 5.000 pés.

AAL2538: Tudo bem, vamos ficar na partida, 5000, chamarei de volta.

AAL2538: SoCal, American 1538.

PARTIDA: American 2538, vá em frente.

AAL2538: Vamos precisar de vetores de volta.

PARTIDA: American 2538, entendido, pista 25L e serão vetores de radar. Mantenha 5000, vire à esquerda na direção 040.

AAL2538: 040, manter 5000, American 1538.

PARTIDA: American 2538, você está declarando uma emergência ou apenas precisa voltar?

AAL2538: Só precisamos voltar e pousar, American 1538. Vamos começar a desacelerar.

PARTIDA: American 2538, entendido, a velocidade fica a seu critério, espere ILS Pista 25L. A informação T é a atual em Los Angeles.

AAL2538: Entendido, esperar 25L, American 1538.

PARTIDA: American 2538, contate o controle de Aproximação em 124.9. Ela disse que pode ter que te vetorizar sobre o oceano.

AAL2538: Diga a frequência novamente, por favor.

PARTIDA: 24,9.

AAL2538: 24,9, sem problemas, obrigado, American 1538.

PARTIDA: Sem problemas.

AAL2538: Aproximação, American 1538, proa 040, 5000.

APROXIMAÇÃO: American 2538, SoCal Approach, espere o ILS Pista 06R.

AAL2538: 06R, American 1538.

APROXIMAÇÃO: American 2538, infelizmente, não posso ter mais chegadas após a meia-noite no setor oeste. Você pode voar agora no rumo 360.

A controladora de tráfego aéreo precisou orientar a aeronave para pousar com uma aproximação feita sobre o oceano, para não passar sobre a cidade por conta do horário. Após mais algumas sequências de orientações, o avião pousou em segurança.

Murilo Bassetohttp://aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias