Primeira companhia aérea nascida em 2022 chega com um modelo de negócio exótico

A primeira aérea estreante de 2022 já foi oficialmente anunciada, e chega com uma proposta bastante inusitada.

A Northern Pacific Airways é uma nova empresa mas não nasce por acaso, já que foi criada pelo grupo dono da Ravn Alaska, uma pequena aérea regional que só opera com turboélices no remoto estado americano. Quando foi anunciado, o modelo de operação foi alvo de dúvidas e muitos acreitavam que não sairia do papel.

Todas essas interrogações começaram a surgir depois que a empresa anunciou como seriam seus voos. Como adiantamos aqui, a empresa terá como base o antigo Boeing 757-200, fazendo voos a partir de Anchorage para destinos no Sudeste e Nordeste Asiático de um lado, e indo para destinos populares dos EUA e Canadá do outro.

O ponto central será Anchorage, que servirá como hub da empresa, conectando os diversos voos. A proposta de operar um modelo assim, com apenas um avião e em rotas não tão longas, mas também nem tão curtas, é permitir uma conexão ocidente-oriente com um custo até 15% menor.

O plano é seguir uma linha parecida com a Icelandair, que também tem como base o 757 na sua frota, e faz o mesmo modelo de negócio, mas conectando Europa e Américas através de uma parada no Atlântico.

A empresa já confirmou que terá um Lounge VIP em Anchorage, e trabalhará com três classes: Econômica, Econômica Premium e Executiva. Pelo evento de apresentação feito ontem no Sul da Califórnia, os assentos parecem ser bastante confortáveis mas não contam com sistema de entretenimento individual.

Comentários sobre o futuro da frota da empresa também foram feitos, e apesar do martelo não ter sido batido, ela irá escolher entre o Boeing 737 MAX 9 / 10 ou o Airbus A321LR / XLR.

A data de início dos voos não foi definida, mas deve ser no terceiro trimestre, após a empresa concluir suas certificações. Os destinos não foram confirmados, mas o site da empresa já cita Tóquio, Seul, Nova Iorque, Los Angeles, Las Vegas e Orlando.

Carlos Martins
Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagem pela Avianca Brasil. #GoBroncos #GoBeach #2A

Veja outras histórias