Ranking de turistas voando para o Brasil no verão 2022-23 é liderado pelos EUA

Imagem meramente ilustrativa

De acordo com o levantamento da Gerência de Inteligência Mercadológica e Competitiva da Embratur junto à Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA), 801.110 passagens aéreas já foram adquiridas nos mais variados países do mundo para curtir o Brasil entre dezembro de 2022 e março de 2023.

Os Estados Unidos lideram o ranking. Foram 158.751 com origem no país norte-americano, o que corresponde a 19,81% do total.

Os dados apresentados pela Embratur indicam o retorno de um verão aquecido do turismo internacional no Brasil. “A Embratur tem aproveitado bem este momento de retomada mundial do turismo para recolocar o Brasil na prateleira do mercado internacional e números como esses demonstram a assertividade de nossas ações”, afirma o presidente da Embratur, Silvio Nascimento.

A quantidade ainda aumentará consideravelmente, uma vez que 53,51% dos viajantes compram as passagens entre 0 e 59 dias antes do embarque, conforme estudo da FowardKeys – empresa líder em viagens e análises e parceira do Conselho Mundial de Viagens e Turismo (WTTC). O número de 801.110 passagens compradas foi levantado até 9 de novembro.

A liderança dos Estados Unidos é também reflexo das ações da Agência. Considerado um mercado prioritário para a promoção do Brasil, em 2022, o país norte-americano foi palco de duas grandes campanhas publicitárias, quatro roadshows (Chicago, Nova York, Miami e Los Angeles), uma press trip com jornalistas e influenciadores levados a destinos de Natureza no Pantanal e em Bonito, uma famtour com operadores de turismo locais levados a Chapada dos Guimarães e ao Pantanal.

Além disso, a Embratur esteve presente em quatro feiras internacionais que ocorreram nos EUA: Re-think South America (Nova Iorque), Adventure Elevate 2022 (Oregon), IMEX América (Las Vegas) e New York International Travel Show (NYITS).

Também estão previstas para 2022, a veiculação de uma campanha publicitária sobre pesca esportiva no mercado americano e a realização de uma press trip com foco neste segmento turístico com comunicadores dos Estados Unidos.

Vale ressaltar que os Estados Unidos são o segundo maior emissor de turistas para o Brasil (mais de 590 mil turistas em 2019) e estão entre os países que mais gastam em nosso território (US$ 93 diários, em média). Segundo o Ministério do Turismo (2019), a motivação de 33% dos americanos que visitam o Brasil é o ecoturismo e aventura, ficando apenas atrás de sol e praia por uma pequena diferença (35%).

Desde 2019, o Brasil não exige visto para entrada de norte-americanos no país. A ação também vale para o Canadá, Austrália e Japão. A facilitação de vistos é uma demanda histórica dos empresários do setor.

Bem no ranking

Além dos Estados Unidos, dois países sul-americanos e dois europeus puxam a fila dos que mais pretendem visitar o Brasil durante o verão 2022/23. A Argentina registrou, até 9 de novembro deste ano, 154.872 bilhetes aéreos comprados, ocupando a segunda colocação. É seguida por Portugal (53.824), Chile (41.782) e França (33.908).

Somente nos primeiros nove meses do ano, cerca de 1,8 milhão de viajantes do mundo inteiro desembarcaram no Brasil com visto de turista ou em viagem a turismo, de acordo com dados da Polícia Federal. O número é mais que o dobro do registrado em todo o ano de 2021, quando 596,7 mil estrangeiros visitaram o país.

Ranking de países que mais compraram passagens:

1) Estados Unidos: 158.751
2) Argentina: 154.872
3) Portugal: 53.824
4) Chile: 41.782
5) França: 33.908

Informações da Embratur

Murilo Basseto
Murilo Bassetohttp://aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e com Pós-Graduação em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias

Programa de investimentos em aeródromos é prorrogado pelo governo de MT...

0
Programa Mais MT Aeródromos Públicos estava previsto para encerrar neste mês de fevereiro e foi estendido pelo governo estadual.