Reduzida de R$ 11 mil para R$ 3 mil a indenização de passageira que teve atraso em voo

Na decisão, foi considerado que o valor fixado não deve causar enriquecimento ilícito ou ser desproporcional à situação ocorrida.