Revelados quem são os 17 que vão levar a alta gastronomia francesa aos voos da Air France em 2023

Airbus A350-900 – Imagem: Leaderofthewave / CC BY-SA 4.0, via Wikimedia Commons

A Air France informa hoje, 20 de janeiro, que revelou os nomes de todos os chefs renomados com quem trabalhará este ano. Em 2023, dezessete chefs talentosos que promovem a excelência francesa se revezarão para assinar pratos excepcionais nas classes La Première e Business de seus voos e nos lounges dos aeroportos.

Como a única companhia aérea a fazer parceria com tantos nomes ilustres no mundo da gastronomia, a Air France destaca que está reafirmando mais do que nunca seu papel como embaixadora da alta gastronomia francesa em todo o mundo.

A empresa está empenhada em apresentar aos seus clientes a qualidade e a diversidade do patrimônio gastronômico da França, como parte de uma abordagem cada vez mais responsável, com foco em produtos frescos, sazonais e locais e uma escolha sistemática de pratos vegetarianos em todas as classes de viagem.

A Air France concebe estes menus com a ajuda de alguns dos chefs de maior prestígio, com a experiência do seu parceiro de catering, Servair, especializado em refeições a bordo e em seu estúdio culinário.

Uma experiência gastronômica francesa de alto nível

A bordo de voos de longa distância partindo de Paris, os chefs franceses com estrela Michelin Arnaud Lallement, Régis Marcon, Anne-Sophie Pic, Emmanuel Renaut e Michel Roth se revezarão este ano para assinar pratos exclusivos da Air France nos menus La Première e Business.

Pela primeira vez, Mauro Colagreco e Thierry Marx também contribuirão com suas habilidades únicas para esta excepcional equipe de chefs.

Com composições vegetarianas, carnes vermelhas e brancas da França e peixes da pesca sustentável, todos os chefs se empenham em mostrar os produtos locais de suas regiões na França e compartilhar sua herança e paixão culinária.

Nas suítes La Première, as cabines de viagem mais exclusivas da empresa, os chefs confeiteiros do Meilleur Ouvrier de France Philippe Urraca e, pela primeira vez, Angelo Musa, darão um toque elegante e doce aos menus desta cabine.

A Air France também continua a oferecer menus assinados pelos melhores chefs franceses em voos de longa distância partindo de aeroportos do mundo todo.

A empresa continua a trabalhar com o chef com três estrelas Michelin Julien Royer nas cabines La Première e Business na partida de Cingapura. Originalmente de Auvergne, Julien Royer está à frente dos restaurantes Odette e Claudine em Cingapura.

Na saída da Ilha da Reunião, na cabine Business, os menus são assinados pelo chef Jofrane Dailly da Ilha da Reunião, que trabalha no Diana Dea Lodge em Sainte-Anne.

Em 2023, a Air France oferecerá menus assinados pelo chef Olivier Perret nos voos com partida dos destinos da Air France no Canadá (Montreal, Toronto, Quebec e Vancouver). Ele se concentrará em oferecer gastronomia francesa com ingredientes frescos para os menus da cabine Business. Originalmente da Borgonha, o chef também comanda o restaurante Le Renoir no Sofitel Montréal Le Carré Doré.

A Air France pretende desenvolver ainda mais sua parceria com esses excepcionais chefs exclusivos, principalmente na partida do Caribe francês, EUA e Japão.

Na sua rede de médio curso, na cabine Business, o chef corporativo Servair François Adamski, vencedor do Meilleur Ouvrier de France e do Bocuse d’Or, assina os pratos de almoço ou jantar servidos a bordo durante todo o ano.

A Air France também colabora com vários chefs em seus lounges nos aeroportos de Paris.

No Paris-Charles de Gaulle, as equipes de Alain Ducasse criaram pratos para o lounge Air France La Première. E nos outros localizados no terminal 2 E (halls K, L e M), Ducasse Paris apresenta regularmente novos pratos para serem apreciados entre toda a oferta. No lounge localizado no terminal 2F, François Adamski se une a chefs talentosos para assinar menus inovadores e sazonais. Seguindo os passos de Chloé Charles, Amandine Chaignot ilustrará seu talento para os clientes da empresa.

Em Paris-Orly, Guy Martin, que costuma assinar os cardápios servidos a bordo dos voos da Air France, assinará pela primeira vez um prato oferecido no lounge de longa distância do Orly 3. Finalmente, no lounge de curta distância em Orly 2, os clientes poderão continuar a saborear os choux pastéis assinados pelo chef pasteleiro Philippe Urraca.

Murilo Basseto
Murilo Bassetohttp://aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e com Pós-Graduação em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias

Um jumbo Boeing 747 pousa no coração da Amazônia, mas ele...

0
Entre os meses de fevereiro e março, o aeroporto internacional Eduardo Gomes, em Manaus, voltará a receber dois visitantes raros