Início Indústria Aeronáutica

Rússia aumenta produção do jato SSJ 100 e comenta a estreia do MC-21

Sukhoi SSJ100 Superjet – Imagem: Superjet International

A United Aircraft Corporation (UAC), subsidiária da russa Rostec, anunciou recentemente que aumentará a produção do Sukhoi Superjet SSJ 100 para 30 unidades por ano em 2021. Espera-se que mais de 180 aeronaves do tipo estejam em serviço até o final do ano.

Conforme dito pelo CEO da UAC, Yuri Slyusar, em uma reunião com o presidente russo, Vladimir Putin, “temos 155 SSJs em operação e, no final do ano, haverá mais de 180 aeronaves voando”.

O executivo afirma que o SSJ 100 passou a ser a principal aeronave regional do país e informou que os problemas do projeto foram resolvidos. “Estamos caminhando para um ponto em que o Superjet se tornará a base para a frota de aeronaves regionais na Rússia”, disse ele.

Adicionalmente, quando questionado pela agência TASS sobre o programa MC-21, Slyusar anunciou que a empresa planeja produzir 36 aeronaves por ano até 2025.

Uma de nossas principais tarefas é aumentar o nível de produção para 36 aeronaves até 2025 e 72 dois anos depois”, disse Slyusar. “Já realizamos mais de 500 voos de teste. A asa, feita de compósitos produzidos na Rússia, passou recentemente em um de seus principais testes.”

Ele concluiu sua análise observando que o mercado doméstico de aeronaves de corpo estreito será de cerca de 600 aeronaves por ano nos próximos nove anos.

Rossiya se prepara para o MC-21

A companhia aérea russa Rossiya espera começar a operar os Irkut MC-21-300 no verão de 2022, sujeito à aprovação das análises técnicas restantes. A Rossiya se tornará, portanto, a primeira companhia aérea a operar esse tipo em serviço comercial.

Conforme relata nosso parceiro Aviacionline, enquanto a introdução do MC-21 ainda está a um ano, a Aeroflot – controladora de Rossiya – diz que iniciou os preparativos para o treinamento das tripulações de voo e de cabine, estabelecendo a manutenção de rotas potenciais e atualização dos sistemas de informação.

MC-21-300 – Imagem: Irkut Corporation

A Irkut garantiu à companhia aérea que o processo de aceitação técnica para o primeiro MC-21 ocorrerá na primavera de 2022. Se não houver problemas técnicos, a aeronave começará a servir a Rossiya no verão do mesmo ano.

A companhia aérea já opera o Sukhoi Superjet 100, com mais de 35 do tipo em serviço e 66 programados para chegarem até o final do ano. Junto com a frota de MC-21 e Superjet, a Rossiya também continuará a operar modelos estrangeiros, incluindo Airbus A320 e Boeing 737, 747 e 777.

Leia mais:

Sair da versão mobile