Ryanair anuncia compra de nova companhia de Niki Lauda

© Boeing / LaudaMotion / AEROIN

A low-cost irlandesa Ryanair anunciou hoje que entrou em acordo com Niki Lauda para apoiar o desenvolvimento e crescimento da LaudaMotion, através da compra de 75% da nova companhia baseada em Vienna, Áustria.




A Laudamotion é resultado do que sobrou da NikiAir, que era parte da falida AirBerlin. Será a terceira aérea do piloto de Fórmula 1 Niki Lauda, que começou no ramo aéreo com a bem sucedida LaudaAir, hoje parte da Austrian Airlines.

Com 14 aviões Airbus A320 oriundos da Air Berlin, a Laudamotion oferecerá classes Econômica e Premium (esta última em rotas selecionadas apenas). A Econômica oferecerá compras de comida e bebida a bordo, e seleção de assentos no momento da reserva a partir de € 9,99, enquanto a classe Premium contará com assentos do meio vazios, além de comida, bebida e seleção de assentos gratuitos.

© DPA

Os destinos iniciais da Laudamotion serão cidades turísticas no Mediterrâneo com voos a partir da Alemanha, Áustria e Suíça. Com este acordo, a Ryanair irá adquirir de imediato 24.9% da Laudamotion e posteriormente 75% quando a comissão econômica da União Européia aprovar.

A Ryanair irá prover suporte financeiro e administratativo para a Laudamotion como também o wet-lease de seis aeronaves Boeing 737 para o verão de 2018, para permitir que a Luadamotion complete o cronograma da temporada com 21 aeronaves voando.

O custo deste investimento de 75% será menos de €50 milhões de euros (R$202 mi) apesar da Ryanair colocar mais €50 mi adicionais no primeiro ano para início das operações e para cobrir custos operacionais. Tanto Niki Lauda e a Ryanair irão trabalhar com o time administrativo da Laudamotion e esperam que a companhia seja lucrativa em 3 anos de operações com plano de crescimento para 30 aeronaves Airbus.

Michael O’Leary, CEO da Ryanair, declarou “que estamos animados com essa parceria com o Niki Lauda para desenvolver uma companhia austríaca com tarifas baixas em voos regulares e fretados. A Laudamotion terá uma frota de aeronaves Airbus, algo que esperávamos desenvolver no grupo Ryanair já a alguns anos.”

Já Niki Lauda falou sobre o mercado aéreo “Eu sempre fui a favor da competição e contra monopólios. Sendo assim estou animado de fechar uma parceria com a Ryanair. A Laudamotion conseguirá se estabelecer como um forte competidor crescendo de maneira rápida e sustentável. Um novo player no mercado da aviação nasceu e estou ancioso para oferecer aos passageiros um grande portifólio de rotas com preços competitivos.”

Pela Assessoria de Imprensa da Ryanair

Carlos Martins
Carlos Martins
Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagem pela Avianca Brasil. #GoBroncos #GoBeach #2A

Veja outras histórias