Saiba o que o DECEA tem a dizer sobre operações de drones próximo de aeroportos

Imagem: DECEA

O uso dos DRONES tem aumentado de forma exponencial no Brasil. De janeiro a dezembro de 2023, o Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA) contabilizou aproximadamente 240.000 solicitações de voo no Sistema para Solicitação de Acesso ao Espaço Aéreo Brasileiro por Aeronaves Não Tripuladas (SARPAS), que migrou para sua nova versão, o SARPAS NG.

Um questionamento muito frequente, que sempre é feito ao DECEA pelos usuários e órgãos cadastrados, é referente à “operação com DRONES nas proximidades de Aeródromos”. Não há como negar que o tema é muito importante, pois é possível que um voo irregular cause sérios problemas à segurança operacional e, sobretudo, de terceiros no solo e no ar.

Conhecer as normas em vigor é o primeiro passo para que os pilotos remotos realizem seus voos seguros. A Instrução do Comando da Aeronáutica (ICA) 100-40/2020 lista no item 11.1.10 as orientações para as operações a partir de aeródromos e de suas proximidades. Atenção deve ser dada à NOTA 2 desse item, que traz para o usuário o rol de documentos, ou condicionantes, que devem ser apresentados no momento da solicitação de um voo.

Como se vê, essas operações são possíveis, contanto que sejam mantidos os requisitos de segurança estabelecidos nas legislações vigentes.

O DECEA busca conscientizar a população sobre o uso regular dos drones e disponibiliza o Portal DRONE UAS, que reúne as informações e recursos relacionados ao assunto no âmbito do DECEA.

Dúvidas e sugestões podem ser encaminhadas ao DECEA por meio do Serviço de Atendimento ao Cidadão.

Informações do DECEA

Murilo Basseto
Murilo Bassetohttp://aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e com Pós-Graduação em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias

Realizados 30 atendimentos já no primeiro dia do HCAMP da Força...

0
Desde a sexta-feira, dia 27 de janeiro, o hospital, levado a bordo da aeronave KC-390 Millennium, está pronto, em um tempo recorde.