Tempestade invade hangar da GOL em Belo Horizonte com ventos de 80 km/h

Uma grande tempestade atingiu Belo Horizonte e a região metropolitana ontem (14) à noite, com ventos de até 80 km/h que chegaram a atingir o hangar da GOL, como mostram as imagens abaixo (espere carregar).

As imagens registradas no vídeo foram publicadas nas redes sociais e mostram o vento entrando no hangar acompanhado de uma forte chuva. Apesar da estação meteorológica do aeroporto ter registrado velocidade de 80 km/h (43 nós) para as rajadas de vento na hora do ocorrido, os três Boeings 737NG que estão no hangar permanecem “alheios” à força do vento. Em outras ocorrências semelhantes, das quais já falamos, ventos fortes podem chegar até a movimentar aeronaves.

Na parte externa, no canto direito, é possível ver o terceiro 737NG, mas não é possível visualizar os 737 MAX que estão um pouco mais atrás, na área onde estão estocados há mais de um ano, depois que os voos com o jato foram suspensos em março de 2019.

No momento da tempestade, a visibilidade ficou tão baixa no aeroporto que, na cabeceira 34, ao lado do hangar de manutenção da GOL, a visibilidade era de apenas 350 metros.

Com a forte tempestade, quatro voos da Azul acabaram sendo desviados para outros aeroportos, como Galeão, Campinas e Ribeirão Preto. Além disso, um voo da GOL com destino a BH foi cancelado na origem e três voos saindo de BH da Azul também foram cancelados. Outros voos sofreram atrasos e a situação só foi normalizada por volta da meia-noite.

Visão externa do Hangar da GOL

Carlos Martins
Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagem pela Avianca Brasil. #GoBroncos #GoBeach #2A

Veja outras histórias