Total Linhas Aéreas autorizada a usar dispositivos diferentes na cabine dos Boeing 727 e 737

A empresa Total Linhas Aéreas recebeu autorização temporária da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) para que seus tripulantes utilizem dispositivos portáteis para consulta a publicações aeronáuticas, em substituição aos materiais impressos. A aprovação se aplica para os modelos cargueiros Boeing 737-400 e Boeing 727-200.

O novo equipamento é conhecido na aviação como Electronic Flight Bag (EFB) e é composto de um sistema de hardware e software, desenvolvido para uso em solo ou em voo, que possibilita aos pilotos o armazenamento e a visualização de documentos em formato digital assim como a utilização de aplicativos direcionados à operação da aeronave e/ou planejamento do voo.

Segundo a regulamentação, os EFB podem ser utilizados desde que as informações disponibilizadas atendam aos seguintes critérios: a) o formato deve ser equivalente ao impresso; e b) as informações disponibilizadas com fins de navegação, planejamento e performance estejam válidas e atualizadas.

Quando houver a substituição de qualquer publicação de consulta em voo, é mandatório que exista a bordo um meio alternativo de acesso (backup) às informações disponíveis nos EFB. Esse meio alternativo poderá consistir de material impresso ou de um EFB adicional.

O piloto em comando é o responsável por garantir que a bateria do EFB tenha carga suficiente para a realização do voo, considerando tempos de táxi, alternativa, espera e eventuais reservas. A fim de otimizar o desempenho e a segurança do EFB é recomendado que este só contenha aplicativos ou softwares necessários para as funções a que se destina.

Carlos Ferreira
Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

Avião Cessna C208B Grand Caravan Azul Conecta

Piloto da Azul pede pouso urgente após passageiro evacuar a bordo...

0
Um caso interessante foi registrado na frequência de rádio do Controle de Tráfego Aéreo do Rio de Janeiro, na manhã neste sábado (26)