Início Empresas Aéreas

Uma companhia aérea resolveu inaugurar 14 rotas internacionais em 16 dias

A Air New Zealand está se preparando para um dos meses de julho mais agitados de sua história com o relançamento de 14 rotas internacionais em 16 dias. Com essas rotas de volta em ação, a companhia aérea estará operando 60% de sua capacidade internacional, a maior nos últimos dois anos.

Em termos gerais, a partir de 9 de julho, a companhia aérea terá três quartos de suas rotas internacionais e domésticas em funcionamento com destinos populares como Honolulu, Houston e Taiti, reiniciando após cerca de 820 dias sem operação.

A aeronave Boeing 777-300 também voltará a voar com passageiros, contribuindo para a adição de cerca de 40.000 assentos por semana em julho na rede internacional.

O CEO da Air New Zealand, Greg Foran, diz que é preciso um enorme esforço para colocar a companhia aérea de volta em funcionamento e está incrivelmente orgulhoso da quantidade de trabalho que a equipe da Air New Zealand dedicou para chegar a este momento.

“Retirar um Boeing 777-300 do armazenamento em Auckland leva cerca de seis a oito semanas, antes que possa voltar para os céus. Contratamos ou recontratamos mais de 2.000 Air New Zealanders em todo o negócio, incluindo 150 pilotos, mais de 500 tripulantes de cabine e 270 funcionários do aeroporto, com outras 1.100 vagas a serem preenchidas. Não é tarefa fácil, mas estamos voltando para onde estávamos para que possamos oferecer aos nossos clientes o serviço da Air New Zealand que eles conhecem. Gostaria de agradecer aos nossos clientes pela paciência enquanto voltamos ao ponto em que estávamos antes da Covid, bem como às nossas equipes que estão trabalhando duro para se recuperar”, disse o executivo.

“Retirar aeronaves do armazenamento, trazer pessoas de volta, abrir portos e trabalhar com novos requisitos de viagem, há muito a considerar, e a equipe da Air New Zealand está fazendo tudo para que isso aconteça o mais rápido possível”, concluiu.

O cronograma de reinício da Air New Zealand é o seguinte: