United tem luz verde para colocar os Boeing 777-200 com motor PW4000 para voar

Foto: NTSB

Na manhã desta terça-feira (17), a United Airlines informou que obteve da Administração Federal de Aviação dos EUA (FAA) a liberação para reativar alguns dos seus Boeing 777 com motor Pratt & Whitney 4000, com a volta aos voos marcada já para as próximas semanas, o jornalista David Shepardson, da Reuters.

Comentando durante uma conferência com investidores, a empresa disse que a FAA emitiu a documentação final para os aviões., permitindo que os aviões motorizados com os PW4000 retornem ao serviço após mais de um ano, desde que foram parados após um problema de falha não contida de motor, que resultou num pouso de emergência em Denver (avião da foto que abre esta publicação).

“Esperamos começar a pilotar a aeronave provavelmente na próxima semana”, disse um porta-voz da companhia durante a conferência organizada pelo Bank of America na segunda-feira (16).

Atualmente, a United é a única operadora americana do Boeing 777 com esse tipo de motor. A frota da empresa tem 52 desses aviões. A demora no retorno das aeronaves ao serviço obrigou a empresa aérea, uma das maiores do mundo, a cancelar uma série de voos de longa distância nas próximas semanas, incluindo ligações com o Brasil.

Carlos Ferreira
Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

Azul não tem previsão de retorno e Aeroporto de Araraquara (SP)...

0
A concessionária do terminal, Rede VOA, afirma que para o aeroporto de Araraquara, a prioridade é a retomada dos voos comerciais.