Viracopos agiliza fluxo de mercadorias com novos horários de Alfândega

Receba as notícias em seu celular, acesse o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Aérea Terminal TECA Aeroporto Internacional Viracopos
Imagem: ABV Aeroportos Brasil Viracopos

A Alfândega da Receita Federal do Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP), implantou nesta semana uma medida que vai diminuir os tempos de permanência das mercadorias no Terminal de Carga e melhorar ainda mais a distribuição, ao longo do dia, do fluxo de caminhões nos pátios de retirada de produtos desembaraçados no aeroporto. Para isso, foram definidos novos horários para conferência e liberação de mercadorias importadas.

Com mais um horário de parametrização e liberação de mercadorias, a Alfândega de Viracopos colabora para o aumento da fluidez no processo de importação, uma vez que essa ação reduz o “tempo de espera” das DIs (Declarações de Importação) até a formação e liberação dos lotes.

Além disso, ao ampliar o horário de parametrização, é possível aperfeiçoar o uso da estrutura logística do complexo aeroportuário que, embora funcione 24 horas, acaba sendo concentrada para o carregamento de mercadorias desembaraçadas em determinados horários.

O horário adicional de parametrização e liberação de cargas é às 20h, englobando Declarações Registradas até 17h10. Já pela manhã, o primeiro horário de parametrização passa a ser 7h, com liberação de cargas às 9h30. Nos finais de semana e feriados, a liberação é efetuada após as 12h.

De acordo com Fabiano Coelho, Delegado da Alfândega da Receita Federal no Aeroporto de Viracopos, outro aprimoramento ocorre em relação ao trabalho de liberação de mercadorias aos finais de semana e feriados, tanto pela equipe de plantão, no caso de Declarações Selecionadas para canais amarelo e vermelho, quanto pela equipe de gerenciamento de riscos, no caso do chamado Canal Verde.

“Além de se evitar o acúmulo de Declarações de Importação para serem liberadas na segunda-feira ou no dia útil subsequente, o trabalho aos finais de semana proporciona a utilização do complexo aeroportuário em dias e horários de menor demanda, tornando mais ágil o processo e melhorando a experiência do usuário”, disse o delegado da Alfândega.

“Desde que programamos a liberação aos finais de semana em dezembro do ano passado, observamos um aumento no registro de Declarações de Importação em dias não úteis e já somos os maiores do Brasil nesse quesito. Isso significa que havia uma demanda represada por esse tipo de conveniência e que, à medida que mais importadores vão descobrindo que Viracopos oferece, de fato, uma logística 24 horas/7 dias por semana, a tendência é o crescimento ser ainda maior”, completou Fabiano Coelho.

TECA Terminal Cargas Viracopos
Imagem: Aeroportos Brasil Viracopos

Segundo levantamento da Alfândega de Viracopos, a evolução dos tempos médios de desembaraço (em horas) de Declarações de Importação desde o início do ano passado, aponta para a queda drástica dos tempos tanto no Canal Vermelho quanto no Canal Amarelo.

“Os tempos médios do canal verde seguem abaixo de 6 horas. Depois dessa redução expressiva de tempos, já estamos entre as unidades mais ágeis do país, sendo que o objetivo, Desafio Viracopos 2020, é chegar, no máximo até o final do ano, na liderança. Os tempos brutos são de responsabilidade de todos, Aduana, Importadores, Despachantes, Depositários e Transportadores Internacionais e equipe do Aeroporto”, concluiu o delegado.

Veja a seguir a evolução dos tempos, medidos em horas, dos canais de liberação:

Canal Vermelho

  • 1º trimestre de 2019: 455,9339
  • 2º trimestre de 2019: 355,7042
  • 3º trimestre de 2019: 278,7539
  • 4º trimestre de 2019: 214,1457
  • 5º trimestre de 2020: 169,8434

Canal Amarelo

  • 1º trimestre de 2019: 669,6794
  • 2º trimestre de 2019: 373,6512
  • 3º trimestre de 2019: 294,4745
  • 4º trimestre de 2019: 156,0521
  • 5º trimestre de 2020: 130,9787

Informações oficiais da ABV Aeroportos Brasil Viracopos

Receba as notícias em seu celular, acesse o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Murilo Basseto
Murilo Bassetohttp://aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e com Pós-Graduação em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias

Confusão em voo da GOL após criança autista não poder viajar...

0
Uma situação complexa se desenrolou num voo da GOL, após uma criança com autismo não poder seguir viagem no colo de seu pai.