Início Aeroportos

Apresentados os detalhes das obras em andamento nos 4 aeroportos da COA em Mato Grosso

Concepção gráfica do terminal do aeroporto de Alta Floresta – Imagem: COA

Em evento realizado na manhã desta segunda-feira, dia 27 de março, no Aeroporto Internacional Marechal Rondon de Cuiabá, em Várzea Grande (MT), a concessionária Centro-Oeste Airports (COA) exibiu os planos das obras de modernização de R$ 500 milhões que estão em andamento nos quatro aeroportos sob sua administração, localizados em Várzea Grande, Sinop, Alta Floresta e Rondonópolis.

O evento teve a apresentação de vídeos antecipando como os quatro aeroportos ficarão após o fim das reformas, além de uma visita guiada pelo canteiro de obras do Marechal Rondon, que, até o fim deste ano, estará pronto.

O processo de melhorias nos locais, iniciado assim que a Centro-Oeste Airports assumiu a operação dos aeroportos, no fim de 2019, já assegurou uma extensa lista de melhorias para os equipamentos. 

Sobre o evento desta segunda-feira, Marco Migliorini, diretor-presidente da Centro-Oeste Airports, falou: “Primeiro de tudo, eu gostaria de agradecer todos que participaram do evento conosco. Tivemos a oportunidade de mostrar, ao lado de nossos parceiros, em detalhes, todos os planos de modernização para os nossos quatro aeroportos em Mato Grosso. A população está muito ansiosa por isso, mas tenho certeza que ficarão extremamente satisfeitos após o término das obras ainda este ano”

Liderado por Marco Migliorini, diretor presidente da Centro-Oeste Airports, o evento contou com a presença de Mauro Carvalho, Secretário-chefe da Casa Civil do Estado de Mato Grosso; os Senadores Jayme Campos, Margareth Buzetti e Wellington Fagundes; do presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, deputado José Eduardo Botelho e do Prefeito de Várzea Grande, Kalil Baracat, além de outras autoridades dos poderes legislativo e executivo estadual e municipais.  

Os projetos

No Aeroporto Internacional Marechal Rondon, as obras vão resultar em um terminal de passageiros mais amplo, moderno e funcional, com ampliações em todos os setores, com destaque para as áreas de embarque e saguão, que terão aumento de 50% em seu espaço físico.

O Aeroporto Presidente João Batista Figueiredo, em Sinop, terá um terminal completamente novo, quase 300% maior do que o atual, passando de 1.400 m² para mais de 6.000 m². Além disso, as obras trarão a ampliação da pista de pouso e decolagem e pátio de aeronaves, sendo o novo e ampliado pátio em concreto. Todo o lado ar será revitalizado com aumento da sua capacidade operacional e com incremento na segurança.

No Aeroporto Piloto Osvaldo Marques Dias, em Alta Floresta, atualmente com 980 m² de tamanho, o terminal passará a ter mais de 2.300 m². No lado ar, as obras vão trazer ampliação da faixa de segurança, além de novas áreas de segurança de final de pista, novo cercamento, implantação de PAPI e ampliação do pátio de aeronaves, com aumento da capacidade operacional e incremente na segurança.

Em Rondonópolis, o Aeroporto Maestro Marinho Franco dobrará de tamanho, saindo de 993 m² para 2.300 mil m², e todo o lado ar será revitalizado: pavimentos, faixa de segurança e novo pátio, que será ampliado com ilhas de concreto. As melhorias trarão aumento da capacidade operacional e incremento na segurança do empreendimento.

Com o aumento de espaço e de capacidade dos aeroportos, os empreendimentos passam a ter mais opções de serviços, lojas, restaurantes e outros estabelecimentos importantes, além de uma infraestrutura muito mais moderna e confortável, afirma a COA.