Quem é o rapaz que roubou um avião no final de semana e ameaçou jogá-lo num Walmart

Foto: Arquivo pessoal

No último sábado, 3 de setembro, as ações de um jovem de 29 anos foram assistidas ao vivo por centenas de milhares de pessoas em todo o mundo. Não se tratava de uma apresentação artística, um streaming ou algo do tipo, mas sim de um roubo de um avião e uma ameaça de derrubá-lo em uma loja do Walmart, no estado do Mississippi (EUA).

Foram três horas voando em círculos, antes do jovem desistir dos seus ímpetos suicidas, fazer um pouso forçado numa plantação e ser preso sob acusação de furto e ameaças terroristas. Depois disso, não demorou muito até que a imprensa americana conseguisse identificar o rapaz e um pouco do seu histórico pessoal e profissional.

O rapaz foi rapidamente identificado como Cory Patterson, um jovem que trabalhava na Tupelo Aviation, no Aeroporto Regional de Tupelo, havia dez anos. Por seu tempo no local e nenhuma suspeita sobre seus futuros comportamentos, o jovem tinha acesso às aeronaves de maneira irrestrita.

Uma análise de suas mídias sociais também não levantava suspeitas prévias. Apenas no dia do roubo, que já foi excluída, Patterson escreveu um pedido de desculpas à sua família, dizendo: “Desculpe a todos. Na verdade, nunca quis machucar ninguém. Eu amo meus pais e minha irmã, isso não é culpa sua. Adeus.”

Em entrevista coletiva, o chefe de polícia de Tupelo, John Quaka, disse que Patterson “tem alguma instrução de voo, mas não era um piloto licenciado”.

Os negociadores entraram em contato com o piloto e o convenceram a pousar no aeroporto. Quaka revelou que um piloto particular conversou com Patterson, já que ele não sabia como pousar o avião.

Patterson tentou pousar, mas abortou o pouso a cerca de 30 metros do solo e viajou para o noroeste. Poucas horas depois, o avião pousou em um campo no condado de Benton, 64 quilômetros a noroeste de Tupelo.

Carlos Ferreira
Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

SAFE Escola de Aviação inaugura sua primeira base satélite em aeroporto...

0
A nova unidade, no interior de São Paulo, fica baseada em um ponto estratégico para a escola e também com condições meteorológicas favoráveis.