Aeroporto Internacional de BH anuncia o lançamento de seu Relatório de Gestão

Aeroporto Internacional de Belo Horizonte – Imagem: Google Earth

Ao longo de 2021, muitos ainda foram os desafios impostos pela Covid-19 aos mais diversos setores da economia, mas a concessionária BH Airport afirma que, no Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins (MG), essa crise de saúde pública mundial trouxe oportunidades de evolução.

Projetos foram colocados em prática, custos foram revisados e novas rotas foram traçadas para que os resultados fossem alcançados. O terminal se fortaleceu como hub de conexões e obteve conquistas que, agora, podem ser conferidas no Relatório de Gestão 2021, que acaba de ser lançado pela BH Airport.

A aviação comercial brasileira viveu momentos de incerteza no ano passado, mas com o avanço do plano nacional de vacinação contra a Covid-19, o aeroporto fechou o ano com a movimentação de cerca de 7 milhões de passageiros, sendo que em 2020, esse número havia caído para 4,8 milhões.

“A pandemia trouxe muitos obstáculos, mas também nos fortaleceu. Com resiliência e foco nos resultados, soubemos encontrar as oportunidades de avançar”, ressalta o CEO Kleber Meira.

O compromisso com a melhor experiência em aeroportos do Brasil se manteve como ambição da BH Airport durante todo o ano, o que refletiu em reconhecimentos pela pontualidade dos voos, pela segurança e infraestrutura aeroportuária, por boas práticas no Terminal de Cargas e por tornar realidade projetos socioambientais.

Na avaliação de Kleber, o ESG é um pilar estratégico da organização que ganha relevância ano após anos. “Ampliar o olhar para as questões ambientais, sociais e de governança é um caminho sem volta”, frisa.

Com um quadro de pouco mais de 300 colaboradores diretos, a concessionária promove um ambiente de constante aprendizado. Em 2021, foram investidos R$ 224 mil em treinamentos que resultaram em mais de 12 mil horas de qualificação.

“As pessoas são essenciais para o sucesso de um negócio e precisam receber investimento constante. A nossa gestão foca no capital humano e em oferecer um ambiente organizacional seguro e agradável para se trabalhar”, ressalta Kleber.

Mais que um local de chegadas e partidas, o aeroporto é um lugar de experiências. O CEO da BH Airport destaca ainda o empenho em oferecer a melhor prestação de serviços aos clientes. De olho nisso, foi iniciada a reforma do Terminal de Passageiros 1, um novo passo para transformação do aeroporto, que passará a ter uma infraestrutura mais moderna, com mais conforto e comodidade aos passageiros e visitantes.

Quando o assunto é carga, em 2021, o aeroporto também se fortaleceu como Hub Logístico Multimodal, reconhecido em âmbito nacional e internacional, e com ampla capacidade para atender as necessidades dos clientes por céu, terra e mar. Além dos serviços e produtos, as empresas ainda podem contar com o único Aeroporto Industrial do Brasil.

Todos esses aspectos estão reunidos no Relatório de Gestão 2021, que pode ser acessado na página oficial da concessionária através deste link.

Informações da BH Airport

Murilo Basseto
Murilo Bassetohttp://aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e com Pós-Graduação em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias