Início Empresas Aéreas

Corpo é encontrado no trem de pouso de um avião da KLM em Amsterdã

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Um provável passageiro clandestino acabou morrendo em um voo da KLM, após entrar no avião pelo trem de pouso. Seu corpo foi achado somente após o pouso.

O caso envolveu o voo KL-588, que decolou no sábado (15) de Lagos, na Nigéria, para Amsterdã, nos Países Baixos. O voo, operado pelo Airbus A330-200 de matrícula PH-AOD da KLM, saiu com um pouco mais de meia hora de atraso, mas por motivos diversos, que não têm relação com o caso do clandestino.

Dados de plataformas de rastreamento de voos mostram que, apesar do atraso, o voo fez o seu trajeto normal, e apenas após pousar em Amsterdã é que os mecânicos acharam o corpo de uma pessoa no compartimento do trem de pouso.

Trajetória do voo – RadarBox

A identidade da vítima não foi revelada, mas a polícia aponta que a provável causa da morte foi hipotermia, dado que o passageiro ilegal entrou na aeronave pelo trem de pouso e ficou lá durante todo o voo. Por ser uma região não pressurizada, as temperaturas ficam muito próximas da temperatura externa, que podem chegar a menos de -30ºC a depender da altitude da aeronave e condições climáticas do voo. Além disso, é uma zona com ar rarefeito e menos oxigênio disponível.

Sem roupas adequadas e também sem conseguir respirar direito, o passageiro teria falecido ainda em voo, bem antes de chegar na Holanda. A principal teoria, é que a vítima estaria fugindo do seu país natal na África e iria pedir asilo assim que chegasse na Europa, segundo reporta o DailyStar.

Infelizmente, tal situação, apesar de incomum, ocorre de tempos em tempos, geralmente envolvendo pessoas da África fugindo para a Europa.

Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagem pela Avianca Brasil. #GoBroncos #GoBeach #2A
Sair da versão mobile