Início Mercado

Destinos de 13 jatos russos restaurados, incluindo um Antonov An-124, tornam-se conhecidos

Três transportadoras aéreas russas, Red Wings, Volga-Dnepr e Aviastar-Tu, devem receber as três aeronaves de carga e oito de passageiros que serão restauradas pela United Aircraft Corporation (UAC), descobriu a agência de notícias Vedomosti. As restaurações de um An-124, dois Il-96-400T e oito Tu-204/214 estão prevista para serem concluídas até 2024.

De acordo com o jornal, um representante da Red Wings disse que a empresa está discutindo preliminarmente os termos de locação do Tu-204/214, cujas entregas devem ocorrer no início de 2023.

Um representante da aérea observou que uma rede de rotas e um sistema tarifário estão sendo elaborados e que, além disso, a empresa planeja treinar pilotos. A aérea era a única operadora do Tu-204/214 em voos regulares, mas parou de voá-los em 2018.

Por sua vez, um representante da Aviastar-Tu informou sobre a possibilidade de alugar os Il-96-400T e o An-124 deveria ficar com a Volga-Dnepr. O representante do UAC observou que as aeronaves restauradas serão transferidas para companhias aéreas de passageiros e carga que “têm experiência na operação de equipamentos russos”.

A Rostec informou em abril que a UAC planeja construir 70 aeronaves Tu-214 até 2030. Agora eles são produzidos em Kazan em uma pequena série. De acordo com o diretor geral da UAC, Yuri Slyusar, a corporação planeja produzir dois Il-96 e 18 IL-76 por ano daqui em diante.

Todo esse movimento reportado aqui tem relação direta com as sanções aplicadas pelo Ocidente sobre a Rússia, após a invasão da Ucrânia. Com isso, houve um grande movimento de substituição de importações e as companhias aéreas russas vão precisar de mais aeronaves no futuro, já sabendo que não poderão contar com equipamentos da Boeing e Airbus.

Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.