Início Empresas Aéreas

Estados Unidos suavizam as sanções e terão mais voos para Cuba

Foto: American Airlines

Com a mais recente decisão do governo dos Estados Unidos, anunciada na segunda-feira (16), que inclui a suavização nos embargos em relação a Cuba, abre-se a oportunidade da volta de voos comerciais para a ilha. A relação ainda está longe de uma abertura ampla, mas já é um avanço. As novas regras flexibilizam os limites impostos de remessas e autoriza mais tipos de viagem. Por sua vez, voos de turismo para Cuba seguem proibidos.

O anúncio das mudanças foi feito pelo presidente Joe Biden, marcando uma mudança de rumo à política herdade de seu antecessor, Donald Trump. O presidente dos Estados Unidos, no entanto, afirmou que segue comprometido com os direitos humanos, em uma clara relação à repressão imposta pelo governo da ilha aos opositores do regime, reportou a agência EFE.

O porta-voz do Departamento de Estado, Ned Price, afirmou: “Continuamos pedindo ao governo cubano que liberte imediatamente todos os presos políticos, respeite as liberdades fundamentais do povo cubano e permita que ele determine seu próprio futuro”.

Ainda não foram detalhados quais voos serão retomados, embora o governo dos EUA tenha citado que pretende restaurar voos comerciais regulares e fretados, que servirão aos cubanos vivendo nos EUA.

Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.