Início Empresas Aéreas Jumbo bielorrusso voltará a ser visto nos céus do Brasil com dois...

Jumbo bielorrusso voltará a ser visto nos céus do Brasil com dois voos especiais

Foto de Lukas H Novak via Czech Airlines Handling on Twitter

O Boeing 747-400F da Rubystar, empresa aérea com sede na Bielorrússia, voltará ao Brasil com mais dois voos especiais nos próximos dias. No total, serão quase 200 toneladas de carga diversa vinda da Ásia, entre correio, vestuário e eletrônicos. O destino das operações será o aeroporto de Guarulhos.

A programação de um dos voos supracitados já está definida e consta do registro de voos da ANAC, como segue:

DIA 2 DE DEZEMBRO – com número de voo RSB-4702, a aeronave tem chegada em Guarulhos prevista para 17h, proveniente de Gana.

DIA 3 DE DEZEMBRO – na manhã, por volta das 10h a aeronave decola rumo a Sharjah nos Emirados Árabes, com número de voo RSB-4702.

Note que os horários podem sofrer alterações, como não é raro ocorrer em operações cargueiras não-regulares.

A Rubystar

Segundo informações disponíveis no site da empresa aérea, a Rubystar possui um punhado de aviões de fabricação russa e apenas um Boeing 747-400, de matrícula EW-556TQ, que já tem 30 anos de idade e foi incorporada pela empresa bielorrussa em janeiro desse ano, visando às oportunidades de carga aérea criadas pela pandemia.

A companhia foi fundada em 2000 como agência comercial de transporte de carga aérea. Em 2002 criou uma empresa aérea de passageiros e começou a voar usando aviões desenvolvidos no período da ex-União Soviética. Mais tarde, em 2008, adquiriu seu primeiro cargueiro Antonov An-12 e entrou no nicho da carga aérea.

Atualmente, a Rubystar tem duas aeronaves Il-76TD e cinco aeronaves An-12. A companhia aérea também opera um Boeing 747-cargueiro.

Sair da versão mobile